Nova trilogia “O Exorcista” perde seu diretor após fracasso do primeiro filme

Anúncio veio após a Universal retirar a continuação de "O Exorcista – O Devoto" de seu calendário de estreias

David Gordon Green não será mais o diretor da trilogia “O Exorcista” produzida pela Blumhouse. O anúncio vem após a Universal retirar a continuação, “The Exorcist: Deceiver” (“O Exorcista – O Devoto”), de sua data programada em 2025. Ainda não se sabe quem será o cineasta substituto ou se os filmes irão para frente.

O futuro do diretor à frente da franquia estava em dúvida quase desde a estreia de “O Exorcista – O Devoto”, primeiro filme da trilogia planejada, seja por causa da resposta majoritariamente negativa da crítica ou pelo resultado aquém das expectativas nas bilheterias. Em entrevista ao The Hollywood Reporter, o cineasta falou sobre sua esperança de permanecer no cargo para as continuações:

- Advertisement -

“Minha intenção é começar a fazer coisas e à medida que esses planos se alinham, se me encontrar no comando de ‘The Exorcist: Deceiver’ [segundo filme da trilogia], eu ficaria empolgadíssimo. Agora, contudo, estou no comando mais em termos de história, olhando para a realidade da minha vida enquanto isso.”

Ainda durante a entrevista, Green também falou sobre a morte de William Friedkin, diretor do filme original falecido em agosto último. Ele revelou que nunca conseguiu conversar com o lendário cineasta sobre a nova obra, mas que estava “empolgado em poder lhe mostrar o corte final”.

Leia também:  Slayer anuncia volta e confirma dois shows nos EUA

“Sei que havia ceticismo, mas eu estava animado em mostrar para ele. À medida que foi ganhando forma, eu me sentia cada vez mais orgulhoso do que havíamos feito. Para mim os aspectos que tinham me inspirado do original se resolviam bem no nosso como sequência do trabalho dele. Então é decepcionante não poder mostrar, o que, de verdade, seria muito intimidador mesmo assim. Estava pronto para convidá-lo a ter essa experiência, se ele quisesse.”

David Gordon Green fora de “O Exorcista”

Segundo o The Hollywood Reporter, após sua saída da trilogia “O Exorcista”, Green irá se concentrar na comédia natalina “Nutcrackers”, estrelada por Ben Stiller, que ainda não tem data de estreia. Além disso, ele irá trabalhar na quarta temporada da série da HBO “The Righteous Gemstones”, da qual é produtor executivo.

Leia também:  Todos os filmes dos Beatles no formato cinebiografia já lançados

“The Exorcist – Deceiver” (ainda sem título em português) seria lançado em 18 de abril de 2025 no exterior. A nova data não foi revelada.

A nova trilogia “O Exorcista” teve investimento que gira em torno de US$ 400 milhões, mas o primeiro longa foi bastante criticado. Ainda assim, conseguiu bilheteria de US$ 137 milhões frente ao orçamento de US$ 30 mi.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasNova trilogia “O Exorcista” perde seu diretor após fracasso do primeiro filme
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda é jornalista formado pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso e cursou Direção Cinematográfica na Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Apaixonado por música, já editou blogs de resenhas musicais e contribuiu para sites como Rock'n'Beats e Scream & Yell.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades