Nando Reis volta a pedir prisão para Bolsonaro em show; veja vídeo

Músico já havia feito o mesmo apelo em apresentação anterior, além de ter incluído crítica em shows da turnê de reunião com os Titãs

Nando Reis voltou a pedir a prisão do ex-presidente Jair Bolsonaro. Desta vez, o músico fez o pedido durante apresentação no festival Verão Massayó, que ocorreu em Maceió no último domingo (21).

Enquanto cantava “Do Seu Lado”, composição dele que se tornou hit com o Jota Quest, Nando de uma rápida pausa em uma das estrofes para reforçar o apelo (via Uai).

- Advertisement -

Ele disse:

“Mas eu acredito que o Brasil só vai ter jeito na hora da prisão do Bolsonaro.”

Confira o momento da fala a seguir:

Ironicamente, Maceió foi a única capital nordestina em que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva perdeu para Bolsonaro nas últimas eleições. O ex-chefe do Executivo nacional, hoje inelegível, conseguiu pouco mais de 68 mil votos a mais que o atual.

Manifestações anteriores de Nando Reis

Esta não foi a primeira vez que Nando Reis pediu a prisão de Jair Bolsonaro durante uma apresentação. Durante o Festival de Inverno Rio 2023, que ocorreu um julho do ano passado, o músico se manifestou na parte final do show dizendo:

Leia também:  As dicas de Tom Morello para se tornar um guitarrista melhor

“Vai para a cadeia, Jair Bolsonaro, sua hora está chegando, mané.”

Para o Canal Brasil, que transmitia o evento, Nando Reis explicou seu posicionamento.

“Quem não gostar do que eu estou dizendo, não goste. Não é preciso gostar, é preciso ter respeito. O que faltou nos quatro anos passados foi respeito. Quem acha que o que eu estou falando é ‘ir além’, essa pessoa está sem noção. Porque o que a gente está falando é recolocar as coisas nos lugares elementares. Não estamos falando nada demais. Respeito ao próximo, chega de racismo, chega de bater em gays… essa coisa absurda.”

Já em julho de 2022, no Festival Primal Rock, em Belo Horizonte, Nando gritou “Fora Bolsonaro” — já que o político ainda exercia o cargo. A manifestação gerou um misto de aplausos com vaias do público.

Leia também:  Linkin Park anuncia música inédita com vocais de Chester Bennington

Em sua defesa, o artista afirmou que seu protesto era a favor dos povos indígenas e contra o acesso da população a armas de fogo.

“Eu tô com os povos indígenas, e quem tá vaiando não tá sacando nada. A gente quer paz e não pode ter um homem que quer guerra, vamos ficar em paz, não há porque guerrear, não tem morte, não tem arma! Não tem que ter arminha, gente, tá todo mundo louco!”

Críticas durante turnê dos Titãs

Nando Reis não poupou Jair Bolsonaro nem mesmo durante a recente turnê “Encontro” dos Titãs, que contou com a formação clássica da banda. Durante as mais de 40 apresentações realizadas ao longo de 2023, ele fez uma alteração na letra de “Nome aos Bois”, um manifesto contra ditadores que menciona os nomes de Adolf Hitler e Benito Mussolini, para incluir o nome do ex-presidente da República.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasNando Reis volta a pedir prisão para Bolsonaro em show; veja vídeo
Augusto Ikeda
Augusto Ikedahttp://www.igormiranda.com.br
Formado em jornalismo pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atua no mercado desde 2013 e já realizou trabalhos como assessor de imprensa, redator, repórter web e analista de marketing. É fã de esportes, tecnologia, música e cultura pop, mas sempre aberto a adquirir qualquer tipo de conhecimento.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades