Jeramie Kling não é o novo baterista do Slipknot, diz Corey Taylor

Baterista recém-saído do Venom Inc tem provocado internautas com publicações que dão a entender possível vínculo com banda mascarada

O baterista Jeramie Kling havia anunciado sua saída do Venom Inc em um período próximo ao rompimento de Jay Weinberg do Slipknot. Ciente dessa coincidência, o músico americano começou a dar indícios nas redes sociais de que substituirá Weinberg na banda mascarada.

Começou com uma postagem no Instagram com o logotipo do Slipknot e a frase “Drumming is simply a matter of timing” – em uma tradução simplória “tocar bateria é simplesmente uma questão de tempo”. Pouco tempo depois, a publicação foi apagada.

- Advertisement -

Já em um post que ainda está no ar, Kling mostrou ter recebido um novo kit de bateria. Na legenda, colocou a hashtag #im666 (I’m 666), em referência à letra da música “The Heretic Anthem”, do Slipknot.

Diante disso, Corey Taylor precisou se manifestar. Em uma publicação no Twitter, o vocalista do grupo disse, sem citar o nome de Jeramie:

“Para todos que estão se perguntando sobre nosso novo baterista… não é ele. Pare de deixar com que ele te engane. Ele nem está na lista. #hesnot666.”

Até o momento, o Slipknot não revelou um substituto – o que é de praxe na tradição de deixar que os fãs descubram de forma espontânea – mesmo tendo compromissos já agendados para o primeiro semestre do ano que vem.

Rompimentos no Slipknot

Jay Weinberg não foi o único integrante a deixar a banda em 2023. Craig Jones, responsável pelos teclados e samples, rompeu com o grupo após 27 anos na formação.

Jones não chegou a se manifestar, mas Weinberg publicou uma carta aos fãs após sua demissão. Ele afirmou:

“Às vezes me pergunto como seria fazer uma visita ao meu eu de olhos arregalados de 10 anos – me apaixonando perdidamente por um som e uma cultura novos e excitantes – e contar a ele tudo sobre os últimos 10 anos. Mesmo nos dias mais difíceis, gostaria de pensar que ele ficaria feliz com a aventura que o esperava.

Fiquei com o coração partido e pego de surpresa ao receber o telefonema na manhã de 5 de novembro; cuja notícia a maioria de vocês soube logo depois. Agradeço o amor e apoio que recebi desta comunidade incrível que considero meu lar criativo e artístico.

Este não é o fim da jornada que eu sonhei e me comprometi até o fim – nem de longe. Mas, apesar da confusão e da tristeza, há algo que proporciona igual quantidade de conforto. Você que está lendo isto: há 10 anos, ainda não nos conhecíamos. E agora nos conhecemos. Por isso, sou grato de uma forma que nunca serei capaz de expressar plenamente.

Adoro tocar bateria. Sempre adorarei tocar bateria. Sempre terei paixão pela música, pela arte e pela expressão criativa. Nada mudará isso.

Não sei como e não sei quando, mas estou ansioso para criar música alta, apaixonada e sincera que possamos curtir juntos novamente. Agradeço pelos últimos 10 anos com você, compartilhando nosso amor por esse cantinho especial do mundo da música e da arte.

Este não é o fim e estou empolgado em descobrir o que o futuro nos reserva.

Obrigado.”

Sobre Jeramie Kling

Nascido em Flint, Michigan, Estados Unidos, Jeramie Kling tem 41 anos. Além do Venom Inc, possui registros com Inhuman Condition, Ex Deo, Eye of Purgatory, Goregäng, Kill Division e The Absence, entre várias outras. Ao vivo, também tocou com Doro, Gus G e Massacre.

O músico comunicou a decisão de deixar o Venom Inc após 5 anos com a banda, que conta com o guitarrista original do Venom, Jeff “Mantas” Dunn, além do baixista e vocalista Tony “Demolition Man” Dolan.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

Leia também:  Per Gessle reage a versões de Roxette por Pabllo Vittar, Gusttavo Lima e mais
ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasJeramie Kling não é o novo baterista do Slipknot, diz Corey Taylor
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades