Como Ian Paice foi parar em um disco de Paul McCartney

Baterista do Deep Purple participou de álbum de covers que também contou com David Gilmour na guitarra

Em 4 de agosto de 1999, Paul McCartney lançou o álbum “Run Devil Run”. Primeiro disco após o falecimento de sua esposa, Linda, trazia o Beatle reinterpretando canções que marcaram sua formação musical, além de três faixas inéditas – que seguiam o estilo dos covers, totalmente embebidas no rock and roll dos anos 1950.

Para o disco, o músico reuniu uma banda de feras. Os nomes mais conhecidos eram o guitarrista David Gilmour (Pink Floyd) e o baterista Ian Paice (Deep Purple).

- Advertisement -

O segundo citado contou à revista Rhythm (via Louder) como se deu o convite. E confessou que, até então, não conhecia Macca pessoalmente.

“George Harrison e eu éramos grandes amigos – ele morava a apenas alguns quilômetros na estrada da minha casa. Nossos filhos cresceram juntos. Cheguei a conhecer Ringo, mas nunca McCartney. Então recebi a ligação: ‘você gostaria de nos encontrar no Abbey Road?’ O que você diz em uma situação dessas? Fui na segunda de manhã sabendo muito bem que se falhasse não estaria lá na terça. E a coisa toda aconteceu em cinco dias, como os Beatles faziam no início – das 10h às 17h30, parando uma hora para o almoço.”

Leia também:  A nada romântica forma como David Gilmour chamou Polly Samson para 1º encontro

Ian Paice encantado com o baixista

Sobre a experiência, Paice aproveitou para exaltar um lado que nem todo mundo percebe em Paul: sua musicalidade como baixista.

“Todo mundo pensa nele como um cantor/compositor, mas cara, que baixista! Não é que ele toque muito, mas o que toca está exatamente no lugar certo. Você ouve todos os discos dos Beatles – ele e Ringo, é ótimo. Isso não é sorte, é talento dado por Deus. É muito fácil trabalhar com alguém assim.”

Paul McCartney e “Run Devil Run”

“Run Devil Run” chegou ao 12º lugar no Reino Unido, onde faturou disco de ouro. O lançamento foi comemorado com um show no lendário Cavern Club, em Liverpool.

Os músicos do álbum participaram do evento, que foi um dos primeiros a ter transmissão mundial via internet. Posteriormente, ganhou lançamento oficial em vídeo.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesComo Ian Paice foi parar em um disco de Paul McCartney
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades