Google celebra sexualidade de Velma com easter egg em pesquisa

Resultados de buscas pelo nome da detetive de óculos aparecem junto com uma chuva de confete e bandeiras de orgulho LGBTQ, comemorando a confirmação de sua sexualidade

Velma Dinkley saiu do armário no filme animado “Trick or Treat Scooby Doo!” e o Google celebrou esse marco com uma homenagem à detetive.

Em um novo easter egg na ferramenta de buscas, se um usuário buscar as palavras “Velma,” “Velma Scooby-Doo,” “Velma Dinkley” ou “Dinkley”, a página de resultados que é mostrada contém uma chuva de confetes multicoloridos e bandeiras LGBTQ.

- Advertisement -

Anthony Irwin, senior interaction designer do Google, falou à Variety sobre a homenagem:

“Nós vimos um momento muito esperado para uma personagem que as pessoas amam, e tínhamos um palpite que seria uma surpresa que afirmaria identidade para fãs por todo o mundo. Não esperávamos que seria tão bem recebido, ecoando através de tantas culturas e grupos etários diferentes, mas pessoas precisam de coisas para ficarem felizes a respeito, e quando podemos ajudar todos a celebrarem juntos, isso é bem legal.”

Velma e “Trick or Treat Scooby-Doo!”

Em “Trick or Treat Scooby-Doo!”, lançado em VOD nos EUA dia 4 de outubro e disponível na HBO Max a partir do dia 15, Velma se vê completamente apaixonada pela estilista Coco Diablo. A situação confirma décadas de especulação sobre sua sexualidade. 

Leia também:  Alice Cooper lança edição 2024 de sua tradicional “campanha para presidente”

A sexualidade de Velma já havia sido insinuada antes. Em publicação feita na rede social Instagram em 2020 (via Omelete), Tony Cervone, produtor executivo da série animada de 2010, disse que a equipe tentou deixar suas intenções com relação à personagem mais claras possíveis para a época. Ele completou:

“A maioria dos nossos fãs pegou. Àqueles que não notaram, sugiro que olhem com mais atenção. Não há novidade aqui.”

O diretor James Gunn, responsável pelo roteiro de ambos os filmes live-action da franquia, também falou em seu perfil no Twitter sobre fazer a personagem canonicamente gay:

“Em 2001, Velma era explicitamente lésbica no meu roteiro original. Mas o estúdio foi diluindo, diluindo até se tornar ambíguo (a versão gravada) e, então, inexistente (a versão lançada). Até finalmente ter um namorado (sequência)”.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasGoogle celebra sexualidade de Velma com easter egg em pesquisa
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda é jornalista formado pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso e cursou Direção Cinematográfica na Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Apaixonado por música, já editou blogs de resenhas musicais e contribuiu para sites como Rock'n'Beats e Scream & Yell.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades