Rage Against the Machine critica Justiça americana por inocentar Kyle Rittenhouse

Jovem de 18 anos foi absolvido de acusações de homicídio durante protestos por justiça racial em Kenosha, nos Estados Unidos

O Rage Against the Machine divulgou um comunicado nas redes sociais a respeito do julgamento que inocentou Kyle Rittenhouse de acusações de homicídio. O jovem de 18 anos não será responsabilizado pela morte a tiros de dois homens durante um protesto por justiça racial em Kenosha, nos Estados Unidos.

“O que define inocência na América? Tamir Rice foi executado pela polícia por estar com um brinquedo. Ninguém foi acusado. Ahmaud Arbery saiu para correr e foi assassinado em plena luz do dia.

Kyle Rittenhouse portou armas e matou pessoas que lutavam por justiça racial. Ele alegou legítima defesa. Essa é a lógica do colonizador do mito fundador da América: o branco deve se lançar como vítima para justificar sua violência contra os que resistem à sua opressão. Bem-vindo à Terra dos Livres, Lar dos Corajosos.”

O caso envolvendo Kyle Rittenhouse provocou debate em meio à sociedade americana com relação aos limites da legítima defesa. O jovem matou Joseph Rosenbaum, de 36 anos, e Anthony Huber, de 26, além de ter ferido Gaige Grosskreutz, de 28, com disparos de arma de fogo. Ele acabou inocentado das acusações de que teria agido com dolo.

De acordo com a Agência Brasil, a defesa de Rittenhouse argumentou que ele tinha sido repetidamente atacado e atirou com medo de perder sua própria vida. Advogados disseram que ele é um adolescente de espírito cívico que estava em Kenosha para proteger a propriedade privada, após várias noites de agitação na cidade depois que a polícia atirou em um homem negro chamado Jacob Blake, que ficou paralisado da cintura para baixo.

A acusação retratou Rittenhouse como um jovem imprudente que provocou os encontros violentos e não mostrou remorso pelos homens que ele matou com seu fuzil estilo AR-15. Foi apontado ainda que ele não poderia estar armado na ocasião, já que tinha 17 anos na data do ocorrido e no estado de Wisconsin, só é permitido comprar e portar armas se o cidadão tiver mais de 21 anos.

1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
11
Share