Adele progressiva? Música do álbum “30” tinha 15 minutos originalmente

Segundo a própria cantora, “I Drink Wine” teve de ser editada a pedido da gravadora

Adele abre seu novo álbum “30” com registros de voz onde seu filho, Angelo, faz perguntas importantes sobre a vida. Em “I Drink Wine”, é a vez dela fazer o mesmo.

Em entrevista à Rolling Stone, a artista revelou que a poderosa balada tinha originalmente uma duração bem mais extensa que seus 6 minutos e 16 segundos finais. Segundo ela, a faixa ultrapassava os 15 minutos antes de ser editada.

“A gravadora meio que indiretamente deixou claro: ‘ouça, todo mundo te ama, mas ninguém toca uma música de 15 minutos no rádio’.”

- Advertisement -

“30”, inclusive, traz as primeiras músicas com mais de 6 minutos da carreira de Adele. Além de “I Drink Wine”, há “To Be Loved” e “Love is a Game”, ambas com 6 minutos e 43 segundos de duração; “Hold On”, que marca 6 minutos e 6 segundos; e “My Little Love”, com 6 minutos e 29 segundos.

Sobre “I Drink Wine”, de Adele

Leia também:  Empresário de Paul Di’Anno perde a paciência e expõe problemas com vocalista

“I Drink Wine” foi composta para Adele e uma amiga. A letra a permitiu explicar por que precisava evoluir um pouco mais para estar presente na amizade.

Outro amigo, Jed, sugeriu que a cantora começar a gravar seus momentos de dúvida. Uma dessas conversas sobre seus arrependimentos e relação com a memória aparece ao fim da música.

“Mas por causa desse período de tempo – embora tenha sido muito divertido – eu não pude continuar e criar novas lembranças com ele. Havia apenas lembranças de uma grande tempestade.”

30”, primeiro álbum de Adele em seis anos, está disponível nas plataformas digitais.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasAdele progressiva? Música do álbum “30” tinha 15 minutos originalmente
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades