Foto: reprodução / YouTube

A Terra plana gira: negacionista Ted Nugent afirma estar com Covid-19

Em uma daquelas ironias do destino, o guitarrista Ted Nugent, notório por sua posição negacionista em relação à pandemia, revelou que está com Covid-19.

Em uma daquelas ironias do destino, o guitarrista Ted Nugent, notório por sua posição negacionista em relação à pandemia, revelou que está com Covid-19.

Opositor ferrenho das medidas de distanciamento social, uso de máscaras e da vacina – muitas vezes com argumentos no mínimo controversos -, o músico fez um relato de suas nada agradáveis experiências após ter contraído a doença.

A notícia foi dada pelo próprio Ted Nugent em uma transmissão ao vivo em sua página do Facebook, com transcrição via Blabbermouth. O guitarrista declarou que está passando por dias difíceis, mas não abriu mão de sua controversa posição – o que pode ser notado pela forma preconceituosa com que ele se refere à doença.

“Eu tenho um anúncio para fazer. Todo mundo me disse que eu não deveria anunciar isso. Venho tendo sintomas de gripe nos últimos dez dias. Achei que estava morrendo. Cheio de problemas. Meu teste deu positive hoje. Peguei a m**da chinesa. Sinto a cabeça pesada, meu corpo dói. Meu Deus, que pé no s**o. Eu mal consegui rastejar para fora da cama nos últimos dias. Testei positivo para Covid-19 hoje.”

Mais tarde, Ted voltou a aparecer em seu programa online Spirit Campfire, onde comentou mais uma vez sobre a situação de sua saúde. Parecendo mais entusiasmado, o músico falou em “força de vontade” para superar o problema.

“Estou por aí há algum tempo – 72,4 anos, para ser exato – e tem sido uma aventura e tanto… mas eu nunca estive tão doente em toda a minha vida, mal podia rastejar para fora da cama. E não estou buscando simpatia: apenas estou tentando dividir uma emergência médica em meio a uma emergência médica global, e o que a ‘tribo Nugent’, o que esse guitarrista está fazendo para contra-atacar um positivo para Covid-19 esta tarde. E vai ser na base da força de vontade.”

Ted Nugent e a desinformação

Desde o início da pandemia, Ted Nugent tem insistido em negar a gravidade do problema que o mundo inteiro enfrenta. Em dezembro de 2020, durante outra live no Facebook, ele disse que se recusaria terminantemente a tomar a vacina.

Conforme transcrito anteriormente pelo Blabbermouth, Nugent declarou que o ano de 2020 foi um “desastre de ano”. A descrição foi feita porque, segundo ele, vivenciamos uma “pandemia de golpes”.

“Isso não é uma pandemia real e essa não é uma vacina real. Sinto muito. Não vou tomar vacina. Você vai chegar com uma vacina, eu vou temer pela minha vida, e você sabe o que eu vou fazer se você chegar perto de uma agulha. ‘Olá, sou do governo, essa agulha é boa para você’. Vá se f*der.”

Em outra ocasião, também no Facebook, Nugent questionou as medidas de segurança tomadas em todo o mundo.

“Sou viciado na verdade, na lógica e no senso comum. E meu senso comum exige que eu pergunte: por que não paramos tudo da Covid-1 à Covid-18. Havia uma Covid-1 e havia uma Covid-2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e nada foi fechado. Mas, uau, a Covid-19 fechou, mesmo que tenha 99,8% de índice de sobrevivência”.

As doenças citadas por Ted, claro, não existem. A Covid-19 recebeu esse nome por ser uma sigla de “Coronavirus Disease 2019” (algo como “Doença do Coronavírus de 2019”), em alusão ao ano em que foi descoberta.

O índice de sobrevivência citado por ele também é falso, já que esse dado envolve muitas variáveis, incluindo subnotificações de casos, comuns em países como o Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
6
Share