Lançamentos

Playlist: boas músicas e 25 álbuns de rock e metal lançados nesta sexta (21/2)



Na playlist a seguir, apresento músicas lançadas nesta sexta-feira (21), bem como ao longo da semana, que chamaram minha atenção. São, no geral, boas recomendações que se destacaram no meu gosto – e que podem te convencer também.

Também faço, abaixo, algumas recomendações de álbuns divulgados nesta sexta (21), além de listar outros discos que chegam a público nesta data.

Lembrando, ainda, que a playlist de lançamentos é atualizada semanalmente. Sempre às sextas-feitas, também publico a lista de novos álbuns aqui no site.

Ouça a playlist:

>>> Ou clique aqui para acessá-la direto no Spotify.

Novas músicas de destaque desta playlist:


Depois, não deixe de conferir:
– Todos os álbuns de rock e metal que serão lançados em 2020
– Os 10 melhores álbuns de rock e metal em 2019
– Os 60 melhores álbuns de rock e metal da década de 2010
– 25 boas bandas de rock e metal da década de 2010

Álbuns de destaque

Ozzy Osbourne – “Ordinary Man”: Diante de tantos problemas de saúde, já é louvável, por si só, que Ozzy Osbourne tenha gravado um álbum. A intenção era clara: servir como um exercício de recuperação, já que ele não aguentava mais ficar na cama. Porém, “Ordinary Man” vai além disso e soa como um retrato melancólico de um senhor que parece ter gratidão por ter chegado aos 70 e poucos anos e, ao mesmo tempo, passa seus dias refletindo sobre a morte. O Madman reuniu uma boa banda, com Andrew Watt na guitarra e produção, Duff McKagan no baixo e Chad Smith na bateria e apresentou um trabalho acima da média. Não está entre os melhores de sua carreira, mas ganha significado especial se analisado diante do contexto. E algumas músicas como “All My Life”, “Eat Me” e a faixa título são incríveis.

Clique para ler resenha completa sobre “Ordinary Man”, de Ozzy Osbourne.

H.E.A.T – “H.E.A.T II”: Consciente de que vacilou no antecessor “Into the Great Unknown” (2017), o H.E.A.T buscou voltar às raízes em “H.E.A.T II”, seu sexto álbum de estúdio, mas que traz a seguinte proposta artística: como a banda soaria se gravasse seu primeiro trabalho em 2020. O resultado é empolgante, já que resgata as melhores características de registros como “Address the Nation” (2012) e, apesar de ter algumas faixas que não são acima da média, traz audição agradável e bem pensada, com seus 45 minutos que passam rapidinho.

Clique para ler resenha completa sobre “H.E.A.T II”, do H.E.A.T.

Demons & Wizards – “III”: É complicado descrever, em um parágrafo, o que apresenta um trabalho como “III”, de proposta tão rica. Dá para dizer que o álbum não apenas mantém o patamar conquistado pelos outros dois discos, lançados ainda nos anos 2000, como, também, corrige e atualiza alguns pontos que não soariam tão legais nos dias de hoje – especialmente na produção. O vocal de Hansi Kürsch (Blind Guardian) impressiona e Jon Schaffer (Iced Earth) segue como uma verdadeira instituição de riffs. Quem gosta das bandas dos envolvidos ou dos trabalhos anteriores do projeto, definitivamente, não vai se arrepender com “III”.

Em ordem alfabética, outros álbuns de rock e metal lançados nesta sexta-feira, 21 de fevereiro (disponíveis em plataformas de streaming):

  • Beat City Tubeworks (hard rock) – “Top Rock”
  • Biff Byford (vocalista do Saxon) – “School of Hard Knocks”
  • Blackbird Hill (blues/garage rock) – “Razzle Dazzle”
  • Blister Brigade (hard rock) – “Slugfest Supreme”
  • Bocanada (hard rock) – “Ahora que Los Leones Duermen”
  • Demons & Wizards (power metal) – “III”
  • Fractured Insanity (death metal) – “Massive Human Failure”
  • Framing Hanley (rock alternativo) – “Envy”
  • H.E.A.T (hard rock) – “H.E.A.T II”
  • Heathen Foray (melodic death metal) – “Weltenwandel”
  • Ian Parry (metal progressivo) – “In Flagrante Delicto”
  • InTechnicolour (stoner/alternative rock) – “Big Sleeper”
  • Lost Society (thrash metal) – “No Absolution” (21 de fevereiro)
  • Lowrider (desert rock) – “Refractions”
  • Necrobode (banda portuguesa de black/death metal) – “Sob o Feitiço do Necrobode”
  • Ozzy Osbourne (heavy metal) – “Ordinary Man”
  • Pain City (hard rock) – “Rock and Roll Hearts”
  • Polaris (metalcore) – “The Death of Me”
  • Reflections (metalcore) – “Willow”
  • Saturnalia Temple (doom metal) – “Gravity”
  • Terrifiant (speed metal) – “Terrifiant”
  • The 1975 (indie rock) – “Notes on a Conditional Form”
  • The Amity Affliction (metalcore) – “Everyone Loves You…Once You Leave Them”
  • The Word Alive (metalcore) – “Monomania”
  • Tricklebolt (hard rock) – “Straight Into The Blue”
  • We Sell The Dead (heavy metal) – “Black Sleep”
  • Whitney Shay (blues/R&B) – “Stand Up!”
Para saber todos os álbuns que serão lançados em 2020, acesse a lista clicando aqui. O material é atualizado frequentemente, então, salve em seus favoritos!

    Igor Miranda
    Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *