Dimebag Darrell quis retomar o Pantera semanas antes de morrer, diz cinegrafista

Daryl “Bobby Tongs” Arnberger, cinegrafista do Pantera e amigo dos integrantes da banda, afirmou em entrevista ao podcast Landry.audio que o guitarrista Dimebag Darrell demonstrou interesse em retomar o grupo semanas antes de falecer. O músico foi assassinado em 8 de dezembro de 2004, durante um show do Damageplan, projeto que montou com o irmão e baterista Vinnie Paul logo após o fim do Pantera, em 2003.

Arnberger comentou que Dimebag passou por algumas frustrações com o Damageplan e garantiu que o Pantera acabaria voltando se o guitarrista ainda estivesse entre nós. “A última vez que o vi foi em novembro de 2004. Falei com ele rapidamente sobre tudo. Ele disse que faria alguns shows com o Damageplan em dezembro. Depois disso, ele disse que rolariam coisas novas, que faria o possível para juntar os caras e fazer a coisa certa. Ele já queria encerrar o Damageplan e voltar com o Pantera”, afirmou.

- Advertisement -
Leia também:  Há 51 anos, David Bowie lançava “Aladdin Sane”; veja outros fatos da música em 13 de abril

– A ‘quase entrada’ de Dimebag Darrell para o Megadeth

O que deixou Dimebag frustrado tão rapidamente com o Damageplan? Segundo “Bobby Tongs”, a falta de comprometimento. “Ele não achava que os outros caras (o vocalista Pat Lachman e o baixista Bob Zilla) estavam de cabeça no projeto. Ele não sentia a mesma mágica do que com os outros dois (Phil Anselmo e Rex Brown, do Pantera)”, disse.

Ainda durante a conversa, o cinegrafista reconheceu que Phil Anselmo passou por um “longo caminho” desde o fim do Pantera. “Ele não está usando drogas e pediu desculpas a todos. Sei que Vinnie nunca o perdoaria. Darrell eu já não sei, talvez perdoaria. Não sou eu que vou guardar ressentimentos contra Phil ou Rex. Há razões, mas escolho não fazer isso”, afirmou.

Leia também:  Por que o Dire Straits não voltará, segundo Mark Knopfler

Há alguns anos, em entrevista ao podcast Talk Tooney, a namorada de Dimebag Darrell, Rita Haney, comentou que o Pantera voltaria se o guitarrista estivesse vivo. “Ele já havia se esforçado para falar por telefone com Rex no aniversário dele, em 20 de agosto de 2004. Planejou conversar com ele novamente. Sei que, no coração dele, ele era do Pantera. Não importava o Damageplan, era o que estava dentro dele. Ele não queria fazer aquelas coisas com Pat Lachman, que já estava causando problemas”, declarou ela, na ocasião.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesDimebag Darrell quis retomar o Pantera semanas antes de morrer, diz cinegrafista
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades