Jeremy, do Pearl Jam, ainda gera polêmica entre envolvidos na história

A música “Jeremy”, clássico do Pearl Jam, foi inspirada em uma história real: um adolescente de 15 anos, chamado Jeremy Delle, cometeu suicídio no dia 8 de janeiro de 1991, em frente à sua turma na escola onde estudava, Richardson High School, na cidade de Richardson, Texas, Estados Unidos. O vocalista Eddie Vedder viu a notícia do falecimento em um jornal e, a partir dali, inspirou-se para compor a canção.

Em entrevista à WFAA, do grupo ABC, a mãe e uma amiga de Jeremy Dalle, Wanda Crane e Brittany King, falaram sobre a música, que fez muito sucesso quando foi lançada e segue como um dos grandes hits do Pearl Jam. Elas não esconderam que a canção ainda causa controvérsia entre os envolvidos na história.

- Advertisement -

– Conheça: A história emocionante por trás de ‘Even Flow’

Leia também:  A sinfonia de transformações do Queen em “The Works”

“Aquele dia em que ele morreu não define a vida dele. Ele era um filho, um irmão, um sobrinho, um primo, um neto. Ele era um amigo. Ele era talentoso. Ele ganhou o primeiro lugar no Texas State Fair. Ele conquistou prêmios, e foi tudo antes de fazer 12 anos”, relembrou a mãe.

Wanda Crane disse, ainda, que estava no trabalho quando soube do suicídio. Em choque, ela não pensou muito nos colegas de Jeremy que testemunharam sua morte. Atualmente, porém, ela diz pensar em como alunos e familiares são retratados sempre que notícias de tiroteios em escolas – frequentes nos Estados Unidos – chegam a público. “Penso no que será dito, ou quais opiniões serão pensadas sobre o aluno. Mas são as mães e irmãs que quero abraçar e dizer que, algum dia, irá melhorar”, afirmou.

Leia também:  Sharon Osbourne sabotava shows do Black Sabbath com Tony Martin? Neil Murray comenta

Brittany King, amiga de Jeremy Dalle, disse que sentiu raiva do Pearl Jam quando eles compuseram a música. “Eu pensei: ‘vocês não sabem, não estavam lá, essa história não está correta'”, afirmou ela, que revelou, ainda, que o suicídio do garoto a fez “amadurecer rápido”.

Ainda durante a entrevista, Brittany contou que ficou “chocada” e “com medo” quando Jeremy atirou em si próprio diante da turma. “Corremos para o fundo da sala e nos abraçamos. Eu pensava: ‘devo olhar?’. E olhei. Não sei por que, mas olhei. Nunca vou me esquecer”, disse.

A reportagem, em vídeo, pode ser conferida clicando aqui (em inglês, sem legendas).

Veja, abaixo, o clipe de “Jeremy”:

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesJeremy, do Pearl Jam, ainda gera polêmica entre envolvidos na história
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades