A banda que se define como a “resposta britânica ao Greta Van Fleet”

Lançando o EP “At Dawn”, o Silveroller promove seu trabalho como "rock 'n' roll em sua forma mais pura"

A ideia de se vender como “o novo isso” ou “a resposta para aquilo” já encerrou carreiras mundo afora. No entanto, uma banda britânica não se vê constrangida em adotar a estratégia. O Silveroller não tem vergonha de abraçar a proposta e até estabelece comparação com um fenômeno recente.

Em entrevista à mais nova edição da revista Classic Rock, o vocalista Johnnie Hodson vai para o confronto ao falar sobre o EP “At Dawn”, recém-lançado pelo quinteto. E na hora de explicar a inspiração artística, menciona as raízes clássicas do som tendo como base um grupo do outro lado do Oceano Atlântico.

- Advertisement -

Ele diz:

“Desde o surgimento do rock’n’roll, tem sido uma conversa transatlântica entre nós e os EUA, mas ainda não enviamos nada de volta. Somos a resposta do Reino Unido ao Greta Van Fleet.”

“Rock ‘n’ roll em sua forma mais pura”

O Silveroller não pretende começar uma revolução. São uma banda orgulhosamente tradicional, com uma apreciação profunda pelo “rock’n’roll em sua forma mais pura”, de acordo com os próprios. No cerne de seu som está a necessidade de uma abordagem de volta ao básico. Não é uma repetição do passado, mas uma extensão dele.

Leia também:  Dream Theater anuncia livro inspirado em “Metropolis Pt. 2: Scenes from a Memory”

Pioneiros do blues como Muddy Waters, Freddie King e Albert Collins, assim como Led Zeppelin, ecoam nos estilos folclóricos e melodias emocionantes. Como Hodson deixa claro:

“Estamos indo para aquele poço original de onde o rock ‘n’ roll veio. Não há muitos sinos e apitos, é cru.”

O guitarrista Aaron Keylock ainda ressalta que as gravações ao vivo em estúdio fazem parte da mágica.

“O que fez Johnny Cash tão rock ‘n’ roll quanto AC/DC ou Black Sabbath foi a atitude e a crueza. É capturar isso e não perder.”

A formação do Silveroller ainda conta com Joe Major (bateria, teclado e guitarra), Ross Munro (órgão) e Jake James Cornes (baixo).

Silveroller – “At Dawn”

Contando com 6 faixas, “At Dawn” é o primeiro trabalho do Silveroller no formato. Anteriormente, a banda já havia lançado os singles “Hold”, “Come On, Come In” e “Other Side”. Todas as músicas estão presentes no lançamento, além das inéditas “Black Crow”, “Ways of Saying” e “Turn to Gold”.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioLançamentosA banda que se define como a “resposta britânica ao Greta Van...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades