Por que Coldplay não é rock, segundo Bono (U2)

Vocalista do U2 comparou dinâmica da banda com a do Isley Brothers e aproveitou para destacar uma das músicas mais significativas do grupo

Quando o Coldplay ganhou o prêmio de Melhor Álbum Rock no Grammy 2009 por “Viva la Vida or Death and All His Friends” (2008), Chris Martin fez um pequeno discurso sobre a sonoridade explorada por ele e pelos companheiros. Na declaração, o líder brincou que o grupo claramente não era “uma das bandas de rock mais pesadas”. Mas, para Bono, os britânicos nem chegam se encaixar no gênero.

­

- Advertisement -

Durante participação no programa “Music Uncovered: The Genius Of Coldplay” da BBC, conforme transcrição da MusicNews, o vocalista do U2 explicou por que. O cantor descreveu a dinâmica da banda como “muito mais interessante” do que a de outros artistas do rock, além de notar que a inspiração utilizada por Martin e companhia é, em comparação, diferente e menos agressiva.

Ele opinou:

“Devo mencionar que o Coldplay não é uma banda de rock. Espero que isso seja óbvio. Há um aspecto muito mais interessante, como os Isley Brothers ou algo assim. Eles não devem ser julgados pelas regras do rock. A raiva é a munição por trás da maioria das bandas do gênero. A música do Coldplay tem uma inspiração diferente e acho que isso aparece com mais clareza em ‘Clocks’.”

Em seguida, expressou a admiração por “Clocks”, música presente no álbum “A Rush of Blood to the Head” (2002). À Rolling Stone, em 2020, Bono já a havia escolhido como uma das 60 canções que salvaram a sua vida. Mais uma vez, sustentou o argumento: 

Leia também:  Eddie Vedder detona discurso preconceituoso de jogador de futebol americano

“Ele meio que gruda na sua cabeça, é mais forte do que o tempo. Lembro de quando a ouvi pela primeira vez, fiquei dando soquinhos no ar de uma maneira enérgica, mas não agressiva, e depois tive a sensação de: ‘essa música é simplesmente melhor do que a música de qualquer outro artista no momento’.”

U2 e Coldplay

Apesar dos elogios ao Coldplay atualmente, Bono envolveu-se em uma polêmica quanto ao grupo no passado. Em 2009, quando perguntado sobre o talento de Chris Martin, o líder do U2 deu uma resposta afiada para a BBC: “ele é um bom melodista, mas é um idiota”. Logo em seguida, ressaltou que estava “apenas brincando” e que o Coldplay era na verdade uma ótima banda.

Leia também:  Accept despeja hinos, entrosamento e heavy metal na essência em Brasília

Para o The Sun, o próprio Martin respondeu ao “insulto”. Brincou que os dois eram “arqui-inimigos”, mas destacou também que mantinha respeito pelo cantor.

Anos mais tarde, em 2014, o vocalista substituiu Bono em parte do show do U2 em celebração ao Dia Mundial da Luta contra a Aids, na Times Square, em Nova York. À época, o artista recuperava-se de um acidente e não pôde participar da performance.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesPor que Coldplay não é rock, segundo Bono (U2)
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades