Por que Toto lançou tantas músicas com nomes de mulheres, segundo Steve Lukather

"Nós gostamos de garotas. Se é pecado, então que seja", justificou o guitarrista em entrevista divulgando vinda ao Brasil em novembro

Analisando a discografia do Toto, é possível perceber as inúmeras músicas que levam nomes de mulheres em seus títulos. “Pamela”, “Rosanna”, “Lea”, “Angela”, “Carmen”, “Lorraine”, “Anna”, “Melanie”, “Manuela Run”, “Holyanna” e “Goodbye Elenore” são apenas algumas da lista. 

Apesar do padrão, a repetição foi completamente acidental. Quem garante é o guitarrista Steve Lukather, único integrante original presente na atual formação.

- Advertisement -

Em conversa com Silvio Essinger para o jornal O Globo, que divulgou a vinda da banda ao Brasil em novembro, o músico explicou que, naturalmente, as ideias relacionadas às figuras femininas surgiram já que “gostam de garotas”. De qualquer maneira, entende a curiosidade do público devido à quantidade.

Ele declarou:

“Acho que nunca sentamos e dissemos: ‘ah, vamos escrever músicas sobre garotas’. Isso simplesmente aconteceu, não fizemos de propósito. Mas entendo que as pessoas possam fazer graça com isso. Nós gostamos de garotas. Se é pecado, então que seja!”

Algumas das canções estão entre as mais célebres do grupo. “Rosanna”, por exemplo, ocupa a terceira posição das mais ouvidas do Toto no Spotify, com cerca de 324 milhões de reproduções. Em 2018, ganhou uma regravação do Weezer – que também fez sua própria versão de “Africa”.

Leia também:  O que Steve Vai mais admira em Ritchie Blackmore como guitarrista

Lukather entende que as releituras não necessariamente ajudaram a aproximar o seu trabalho de um público mais jovem. Porém, é grato pelo reconhecimento.

“Ajudamos a carreira deles, com certeza, mas isso não nos afetou tanto assim, porque naquela época já estava rolando um ressurgimento da ‘Africa’ em todo o mundo. Nem sei como isso aconteceu, mas desde então tem sido uma bênção para nós.  Não vou mentir, isso tem sido ótimo para os negócios e para trazer muitos jovens aos nossos shows. Hoje não temos mais que olhar para aquele mar de pessoas com a mesma cor de cabelo que o meu.”

A justificativa de David Paich

Segundo David Paich, membro fundador do Toto e coautor dos maiores sucessos da banda, há um motivo por trás dos títulos das músicas com nomes de mulheres. Conversando com o site Songfacts em 2015 (via Whiplash), o tecladista e vocalista, hoje afastado do grupo, contou que, na verdade, tudo começou por causa de seu pai e do disco “Dedicated to You” (1961), de Ray Charles.

Ele relatou:

“Meu pai [Marty Paich] fez o arranjo de um álbum para Ray Charles há muitos anos, e tinha nomes de meninas nesse álbum. Lembro de pegar o disco e dizer: ‘olha só, são todos nomes de meninas’. Cada música era o nome de uma garota. Foi quando comecei a fazer isso, fui um dos primeiros a dizer: ‘oK, meu pai fez isso nesse álbum aqui’.”

Toto no Brasil

O Toto confirmou dois shows no Brasil para o penúltimo mês de 2024. As apresentações da turnê “Dogz of Oz World Tour!” acontecem em São Paulo (Espaço Unimed, 24 de novembro) e Rio de Janeiro (Arena Jockey, 26 de novembro). Ingressos estão à venda no site da Eventim.

Leia também:  Lzzy Hale afirma estar disposta a permanecer no Skid Row

Nesta turnê, Steve Lukather e o vocalista Joseph Williams, membros fixos, serão acompanhados por Greg Phillinganes (teclado e vocais), Shannon Forrest (bateria), John Pierce (baixo), Warren Ham (trompas, percussão e vocais) e Steve Maggiora (teclado e vocais). O flyer diz “David Paich apresenta”, em menção ao tecladista, mas este atualmente encontra-se aposentado das atividades do grupo.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesPor que Toto lançou tantas músicas com nomes de mulheres, segundo Steve...
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades