Por que ingresso do Lollapalooza é tão caro, segundo diretores

Fatores como concorrência, atrações contratadas e situação econômica do país são levados em consideração

A cada anúncio de show ou festival, o segundo aspecto mais comentado – o primeiro, obviamente, é a atração – é o valor dos ingressos. Compreensível, ainda mais vivendo em um país onde o acesso à cultura e lazer é tão restrito pelos fatores econômicos.

Em recente entrevista ao Uol Splash, os organizadores do Lollapalooza Brasil se manifestaram sobre o tema. Marcelo Beraldo, curador do evento, ressaltou que o preço corresponde com a média do mercado, destacando ainda que há shows individuais com custos mais elevados.

- Advertisement -

Ele disse:

“A gente monitora todos os preços de festivais e de shows em estádio, então a gente sabe que oferecemos um festival internacional, com quase 80 bandas. Ainda assim, é mais barato que Taylor Swift ou The Weeknd e a gente entrega muito mais. Não tem muito para onde correr, a gente fica monitorando a concorrência. Eu arrisco em dizer que os festivais grandes estão nivelados pelo mesmo preço.”

Leca Guimarães, diretora internacional, ainda cita que as atrações exercem influência.

“O lineup mais forte ou menos forte também influencia no preço, assim como a economia do país. A gente paga o artista em uma moeda e vendemos os ingressos em outra.”

Entrada social e a meia-entrada

Beraldo ainda ressaltou outro fator: a maioria dos ingressos adquiridos acontece nas modalidades que dão descontos substanciais.

Leia também:  David Ellefson alfineta Metallica e Megadeth ao elogiar Overkill

“Existe também o sensacionalismo. Você vê um título num site: ‘ingressos a mil e quatrocentos reais!’; mas se esquecem de dizer que mais 98% da venda dos ingressos é meia-entrada e entrada-social. Ninguém paga esse ingresso inteiro.”

Leca complementou:

“Quando a gente criou a entrada social a gente foi processado por ter dado 50% de desconto, o mesmo que dava para estudante. Então tivemos que dar o desconto de 45%. Ou seja, mesmo quem tem o benefício reclama de outro ter também. E tem a regra de como você faz carteirinha de estudante. O preço de face ninguém paga. Quem não falsifica paga o dobro.”

A meia-entrada no Brasil

A dupla vai além, fazendo críticas abertas ao modo como a meia-entrada é oferecida no país. Marcelo diz:

“Muitas vezes o preço que sai lá na manchete não é o que as pessoas realmente pagam. Até onde eu sei, aqui é o único país do mundo que tem essa meia-entrada. Alguns países têm alguma meia-entrada, mas é o governo que paga a outra metade ou subsidia parte do ingresso. Aqui se faz caridade com o dinheiro dos outros.”

Leca vai além e finaliza com uma declaração de impacto:

Leia também:  Bruce Dickinson se torna cidadão honorário de Curitiba

“Se derrubassem a carteirinha o preço cheio cairia pela metade. Nosso interesse é vender ingresso, o orçamento não muda por causa da meia-entrada, o cachê das bandas não muda por causa da meia-entrada.”

Os valores dos ingressos para o Lollapalooza Brasil 2024 na modalidade mais barata (Lolla Day) estão em R$ 635 (entrada social mediante doação de alimento) na sexta-feira (22 de março) e R$ 580 (entrada social) para o sábado e domingo (23 e 24).

A tabela completa, incluindo Lolla Lounge e Lolla Comfort Day – modalidades ainda disponíveis no pacote para todos os dias –, além de entradas para duas datas, podem ser conferidas clicando aqui.

Veja o lineup completo na imagem abaixo.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasPor que ingresso do Lollapalooza é tão caro, segundo diretores
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades