O detalhe que deixou Gilby Clarke apavorado ao entrar para o Guns N’ Roses

Guitarrista fez parte da banda entre 1991 e 1994 e ficou surpreso com o jeito dos novos colegas ao montar seus setlists

Entre 1991 e 1994, Gilby Clarke fez parte do Guns N’ Roses. Ocupando a vaga de Izzy Stradlin, o guitarrista não só participou dos shows da banda, como também gravou o álbum de covers “The Spaghetti Incident?” (1993).

Apesar da animação, o músico se sentiu apavorado quando entrou para o grupo. Isso porque, em suas palavras, os novos colegas tinham uma maneira peculiar de decidir o repertório das turnês.

- Advertisement -

Como contou em entrevista à Guitar World, Slash ficou responsável por avisá-lo que havia conseguido a vaga para excursionar ao lado do Guns na “Use Your Illusion Tour”. Então, durante a ligação, um pequeno detalhe foi mencionado: não havia setlist definido. Era necessário aprender o catálogo inteiro. 

Para a publicação, Clarke relembrou:   

“Slash me ligou e disse: ‘Você conseguiu a vaga, partimos na próxima semana. Aprenda o catálogo completo’. E eu falei: ‘Como assim? A p#rra do catálogo inteiro? Vocês não têm um setlist pré-definido de 20 ou 25 músicas?’. Slash respondeu: ‘Hão há setlist, Axl apenas decide na hora, então você precisa conhecer o catálogo inteiro’.”

Sendo assim, o guitarrista precisou se virar. Durante uma semana, fez um “intensivo”, a fim de decorar o maior número de faixas – o que deu certo.

Leia também:  O big 4 do rock progressivo, segundo Ian Anderson

“Então, eu tive uma semana para aprender 50 músicas. Eu vivia grudado no meu toca-fitas. Subi ao palco para meu primeiro show sem qualquer cola, tendo aprendido todas as músicas novas em uma semana.”

Sobre Gilby Clarke

Nascido em Columbus, Ohio, Estados Unidos, Gilbert J. Clarke gravou com bandas como Candy, Kill For Thrills e The Loveless no início da carreira. O grande momento nos holofotes ocorreu quando substituiu Izzy Stradlin no Guns N’ Roses. Fez a turnê dos álbuns “Use Your Illusion” (1991) e participou do disco de covers “The Spaghetti Incident?” (1993).

Lançou uma série de discos solo. O mais bem-sucedido foi “Pawnshop Guitars” (1994), de quando ainda fazia parte do coletivo de Axl Rose e companhia. Já o mais recente, “The Gospel Truth”, saiu em 2021.

Leia também:  Licks e Maltz celebram Engenheiros com show inconstante, mas nostálgico em Porto Alegre

Na primeira década do século participou do supergrupo Rockstar Supernova, que também contava com o baixista Jason Newsted (ex-Metallica) e o baterista Tommy Lee (Mötley Crüe). O projeto lançou apenas um trabalho de estúdio.

Gravou e excursionou com nomes como Slash’s Snakepit, MC5, Nancy Sinatra e Heart. Ainda produziu L.A. Guns e Vains Of Jenna, entre outros.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesO detalhe que deixou Gilby Clarke apavorado ao entrar para o Guns...
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades