Baixo histórico de Paul McCartney é encontrado após mais de 50 anos

Instrumento utilizado na gravação de faixas como “She Loves You” foi roubado em 1972 e, curiosamente, estava na casa de um jovem estudante, que o devolveu

Em 1961, Paul McCartney comprou um baixo Höfner 500/1 durante residência dos Beatles em Hamburgo, na Alemanha. Desde 1969, o instrumento – utilizado na gravação de músicas como “Love Me Do”, “Twist and Shout” e “She Loves You” e na composição de “Get Back” – estava desaparecido. Contudo, após uma campanha massiva na internet, a peça foi recentemente encontrada.

Nick Wass, especialista em baixos da fabricante Höfner, junto de outros dois jornalistas investigativos, Scott e Naomi Jones, fundou o projeto Lost Bass no ano passado na tentativa de recuperá-lo. Eles montaram uma página, com várias imagens do objeto perdido, especificações, além de formas de entrar em contato e ajudar na procura.

- Advertisement -

Segundo os envolvidos (via Ultimate Classic Rock), a investigação começou a caminhar quando receberam a informação de um roubo ocorrido no dia 10 de outubro de 1972, na área de Notting Hill, em Londres. Comparando com outros relatos, perceberam que o baixo havia sido levado naquela noite e, partir daí, rastrearam todas as pistas.

Leia também:  Brian May participa de show do Offspring no festival Starmus

Logo descobriram que, à época, o ladrão vendeu o baixo para Ronald Guest, proprietário do pub Admiral Blake, em Ladbroke Grove, Londres. No fim das contas, como publicado pelo Daily Mail, o instrumento estava atualmente na casa de um jovem estudante, em Hastings, Inglaterra. Ele afirma ter herdado o baixo, mas já o devolveu para o famoso proprietário.

Um comunicado no site de Macca diz:

“Após o lançamento do projeto Lost Bass no ano passado, o baixo Höfner 500/1 de Paul comprado em 1961, que foi roubado em 1972, foi devolvido. O instrumento foi autenticado pela Höfner e Paul está incrivelmente grato a todos os envolvidos.”

Características do baixo

O projeto Lost Bass confirmou que o instrumento, apesar da necessidade de alguns reparos, está completo e com a case original. Entre suas principais características, estão:

  • Corpo sunburst em três cores diferentes
  • Captadores posicionados em madeira preta
  • Idealizado para canhotos
  • Sem escudo
Leia também:  Roberto Frejat faz 62 anos; veja outros fatos da música em 21 de maio

Ao The Guardian no ano passado, com o surgimento da iniciativa, Paul McCartney mencionou o apreço pela peça, utilizada sobretudo nos primeiros álbuns dos Beatles, “Please Please Me” (1963) e “With the Beatles” (1963). Na ocasião, ele declarou:

“Por cerca de £ 30, encontrei este baixo Höfner. E para mim, por ser canhoto, parecia mais prudente tocá-lo, porque era simétrico. Eu o comprei e me apaixonei por ele.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasBaixo histórico de Paul McCartney é encontrado após mais de 50 anos
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades