A maior inspiração do filho de Paul Stanley na música (não foi o Kiss)

Ainda na infância, Evan Stanley viu o melhor amigo tocar canção lançada por certa banda em 1991 e percebeu que queria ser artista

Evan Stanley, filho mais velho de Paul Stanley (Kiss), decidiu trilhar o mesmo caminho do pai na música. Após passagens por alguns grupos e lançamento de material solo, o músico de 29 anos é atualmente o vocalista e guitarrista da banda Amber Wild – formada no ano passado e orientada ao hard rock.

Surpreendentemente, sua maior inspiração para virar um músico não veio do quarteto mascarado. Conversando com a Guitar World (via Rock Celebrities), Evan explicou que, obviamente, o Starchild acabou o inspirando, mas a grande virada para que se apaixonasse por tocar surgiu com outra banda: o Nirvana, especialmente a faixa “Smells Like Teen Spirit”, carro-chefe do álbum “Nevermind” (1991). 

- Advertisement -

Ele contou:

“Muitas pessoas acham que eu nasci tocando guitarra. Eu sempre convivi com música por causa do meu pai e, claro, ele foi uma influência. Mas a maior inspiração veio quando fui para a casa de um amigo quando eu tinha uns 10 anos, e ele tocou ‘Smells Like Teen Spirit’ em um violão barato e desafinado.”

Então, a partir daí, Evan percebeu que queria levar música a sério. Por isso, pediu ajuda do pai: 

“Corri para casa e disse: ‘pai, preciso aprender a tocar’. Ele me mostrou um acorde Ré (D) e um Lá (A) e disse: ‘se você se lembrar disso de manhã, eu vou te mostrar o Sol (G)’. Eu o acordei às 6h da manhã do dia seguinte, mostrei os acordes e estava aprendendo.”

Em entrevista ao podcast Bringin’ It Backwards concedida em 2021, com transcrição do site, o músico contou outros detalhes acerca da história: 

“Eu tinha provavelmente dez ou onze anos e meu melhor amigo tocava violão e conseguia tocar ‘Smells Like Teen Spirit’. Eu não gostava de Nirvana naquela época, mas eu conhecia a música e o fato de que ele conseguia tocar me impressionava. Eu pensava ‘não sou capaz de fazer isso’, então foi isso que me incentivou, ver meu amigo Justin tocando. Voltei para casa e disse: ‘pai, você precisa me ensinar a tocar’. Ele me ensinou uns acordes e disse: ‘se você realmente quiser isso, te dou uma guitarra’. Foi isso que aconteceu, mas ele nunca me empurrou para a música, nenhum dos meus pais nunca fez isso em relação a nada.” 

Evan Stanley e Kiss

Em entrevista ao site Misplaced Straws, Evan Stanley foi questionado se houve alguma discussão sobre ele assumir uma nova versão do Kiss agora que a banda está aposentada. Anteriormente, Paul e Gene Simmons haviam declarado abertamente a possibilidade de outros músicos assumirem seus lugares.

Leia também:  O ingrediente que faz o AC/DC ser fenomenal, segundo Carlos Santana

Porém, o frontman do Amber Wild prefere continuar com seu grupo.

“É a coisa mais engraçada. As pessoas ficam perguntando isso constantemente, e tipo, cara, você pode ver milhares de entrevistas onde meu pai diz isso, Gene diz isso, eu digo isso, Nick (Simmons, filho de Gene) diz isso. A resposta é não. Esse é o trabalho do meu pai. Estou ocupado com minhas coisas.”

De qualquer modo, ele deixa claro compreender que as intenções de quem sugere são boas.

“Aprecio e sou grato a todos. Também sou fã do Kiss, amo a música da banda. Tenho uma vida realmente única e maravilhosa como resultado direto disso. Mas não quero me maquiar e ser o ‘Baby Paul’. Tenho minha própria carreira. E isso não é uma crítica – acho que há alguém por aí que provavelmente gostaria de fazer isso e provavelmente faria um trabalho incrível. Mas não sou eu. Não passei minha vida tentando ser isso. Então, não – tenho muitas outras coisas acontecendo.”

Sobre o Amber Wild

O Amber Wild disponibilizou seu primeiro single em outubro de 2023. O trabalho conta com as músicas “Breakout” e “Silver”. Além de Evan, completam a formação o também guitarrista Marshall Via, o baixista Jake Massanari e o baterista Thomas Lowrey.

Leia também:  Os maiores diferenciais do Pearl Jam, segundo o produtor Andrew Watt

O grupo vem obtendo boa repercussão no circuito underground de Los Angeles e abriu os últimos shows da End of the Road, turnê de despedida do Kiss, realizados no Madison Square Garden, em Nova York no mês de dezembro último.

Sobre Evan Stanley

Evan é fruto do primeiro casamento de Paul Stanley, com a atriz Pamela Bowen. Ela participou de novelas e séries como “Days Of Our Lives”, “Loving”, “McGuyer”, “Cheers”, “Matlock”, “Beverly Hills 20210”, “Land’s End” e “Broken At Love”. Também fez uma ponta em “Detroit Rock City”, filme do Kiss.

Anteriormente, Evan havia se envolvido em outras bandas, além de ter lançado material solo. Em 2016, durante a sexta edição do Kiss Kruise, se juntou a Nick Simmons, filho de Gene Simmons. Em homenagem a seus pais, tocaram uma versão de “Hey, Hey, What Can I Do?”, do Led Zeppelin.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA maior inspiração do filho de Paul Stanley na música (não foi...
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades