Edu Falaschi faz show sem Roberto Barros, que está internado

Guitarrista contraiu forte bactéria e encontra-se hospitalizado desde o início do mês; Victor Franco (foto) o substituiu durante apresentação em São Paulo

O show realizado por Edu Falaschi no último sábado (27), no Tokio Marine Hall, em São Paulo, não contou com a presença de Roberto Barros. O guitarrista está internado, desde o último dia 2 de janeiro, após ter contraído uma forte bactéria.

Para a apresentação, que também serviu de palco para a gravação de um videoclipe, Barros foi substituído pelo jovem Victor Franco (na foto com Falaschi), de 23 anos. Em um vídeo exibido durante o evento e transcrito pelo site IgorMiranda.com.br, o guitarrista titular declarou:

- Advertisement -

“Infelizmente, não posso estar aqui hoje, não pude tocar para vocês com essa banda maravilhosa que tanto amo. Explicando rapidamente: no dia 31 de dezembro, apareceu um pequeno furúnculo no meu joelho. E nesse dia, entrei no mar na hora da virada do ano e peguei uma bactéria muito forte que entrou por meio desse furúnculo. Uma bactéria muito agressiva que infeccionou toda a minha perna. Tive uma infecção muito grave, com risco de sepse no sangue e vários outros riscos. Mas graças a Deus o pior já passou. Ainda tem uma batalha pela frente, mas o pior já passou. Estou internado desde o dia 2 de janeiro. […] Mas desejo a todos vocês um show maravilhoso. Peço que recebam com muito carinho o Victor Franco, tenho certeza que ele fará um ótimo trabalho hoje.”

Além da gravação de um videoclipe para a faixa-título do álbum “Eldorado” (2023), o show no Tokio Marine Hall contou com duas participações especiais. O violonista Fábio Lima subiu ao palco para tocar “Land Ahoy”, enquanto o vocalista Roy Khan (ex-Kamelot, Conception) interpretou “Heroes of Sand”, do Angra, além de “Cry”, do Conception, e “Center of Universe”, do Kamelot.

Leia também:  O lado do Led Zeppelin que Bruce Dickinson não gostava

O também cantor José Andrëa (Mägo de Oz), anunciado anteriormente para o evento, não participou. O cancelamento havia sido revelado na sexta-feira (26), em publicação no Instagram. Nenhuma justificativa foi apresentada.

A performance teve cobertura do site IgorMiranda.com.br. Abaixo, você confere o repertório, bem como vídeos registrados pelo repórter Rolf Amaro e cliques do fotógrafo André Tedim. Uma resenha será publicada ainda neste domingo (28).

  1. Live and Learn (Angra)
  2. Acid Rain (Angra)
  3. Waiting Silence (Angra)
  4. Sacrifice
  5. Millennium Sun (Angra)
  6. Land Ahoy – com Fábio Lima
  7. The Temple of Hate (Angra)
  8. Tenochtitlán
  9. Bleeding Heart (Angra)
  10. Señores del Mar (Wield the Sword)
  11. Eldorado
  12. Heroes of Sand (Angra) – com Roy Khan
  13. Cry (Conception) + Center of Universe (Kamelot) – com Roy Khan
  14. Spread Your Fire (Angra)
Leia também:  A dura crítica que Mike Dirnt (Green Day) fez ao Blink-182

Bis:

  1. Rebirth (Angra)
  2. Nova Era (Angra)
  3. Wish You Were Here (Pink Floyd) – trecho acústico
  4. Pegasus Fantasy (trilha sonora de Os Cavaleiros do Zodíaco) – acústico

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasEdu Falaschi faz show sem Roberto Barros, que está internado
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades