O obscuro final original de “O Rei Leão”

A primeira versão da conclusão da animação faria os fãs relembrarem, mesmo que por um momento, a cena mais triste da clássica animação.

“O Rei Leão” foi uma das animações que, com certeza, marcaram a infância de que está com seus 30 ou 40 anos e ainda continua muito querida por muita gente. O que quase ninguém deve saber sobre um dos trabalhos mais famosos da Disney é que o longa, por pouco, não teve um final bem mais sombrio.

Como sabemos, nos momentos derradeiros do filme, o protagonista Simba consegue derrotar seu tio, Scar, que acaba sendo morto pelas hienas. Só que neste final original mais sombrio e vetado pela Disney, as coisas se desenrolariam de outra forma.

- Advertisement -

Nele, Simba jogaria Scar do topo da Pedra do Reino. O vilão se penduraria para evitar sua queda, bem ao estilo do que aconteceu com Mufasa – que continua sendo uma das mortes mais tristes, traumáticas e impactantes de qualquer trabalho da Disney.

Simba, então, decide ajudar Scar a subir, mas o vilão se aproveitaria da situação para, assim como havia feito com Mufasa, jogar o protagonista do topo da Pedra do Reino.

Leia também:  As melhores músicas de todos os tempos na opinião de Dave Grohl

Apesar da queda, Simba conseguiria sobreviver. Scar, se vangloriando do que havia feito de novo, não notaria as chamas que surgiriam atrás dele e acabaria morrendo.

No entanto, a Disney considerou que esse final seria sombrio demais e assustaria o público. Desta forma, ele acabou sendo descartado, resultando no surgimento da versão que vimos no longa.

De fato, podemos dizer que este seria um final pouco apropriado para um filme infantil – sem contar o fato de que faria o público se recordar da morte de Mufasa. Além disso, não haveria a famosa “justiça poética”, sem a hienas – que se sentiram traídas pelas falas de Scar enquanto enfrentava Simba – tirando a vida do antagonista.

Sobre “O Rei Leão”

“O Rei Leão” tem como enredo a vida do protagonista Simba e aborda diversos aspectos de sua vida: sua infância e desejo de se tornar Rei das Terras do Reino, seu exílio após acreditar que foi o responsável por tirar a vida de seu pai, Mufasa, e seu retorno para acabar com a tirania de seu tio e vilão Scar.

Leia também:  A única e bizarra ocasião em que Gene Simmons ficou chapado

A animação fez grande sucesso ao redor do mundo e conseguiu a façanha de arrecadar US$ 968,4 milhões em bilheteria – em uma época onde bater a marca de US$ 1 bilhão parecia algo impossível. Desde então, “O Rei Leão” é constantemente citado entre as melhores animações já produzidas na história.

O longa também ganhou notoriedade por ter tido sua trilha sonora composta e executada por Elton John. Um remake fotorrealista foi lançado pela Disney em 2016.

*Texto construído com informações da Farout

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesO obscuro final original de “O Rei Leão”
Augusto Ikeda
Augusto Ikedahttp://www.igormiranda.com.br
Formado em jornalismo pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atua no mercado desde 2013 e já realizou trabalhos como assessor de imprensa, redator, repórter web e analista de marketing. É fã de esportes, tecnologia, música e cultura pop, mas sempre aberto a adquirir qualquer tipo de conhecimento.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades