Ego Kill Talent anuncia saída de Jean Dolabella

Baterista e guitarrista foi um dos fundadores do grupo, que promete músicas novas, mas sem indicar eventual substituto

O Ego Kill Talent anunciou pelas redes sociais a saída de Jean Dolabella. O baterista, que também assumia a guitarra, foi um dos fundadores do grupo ao lado do guitarrista e baixista Theo van der Loo.

Não foi revelado o motivo do rompimento, nem se algum músico será trazido para a vaga. Emmily Barreto (voz), Niper Boaventura (guitarra e baixo) e Raphael Miranda (bateria e baixo) completam a formação.

- Advertisement -

Dolabella estava afastado das atividades do grupo há alguns meses devido a seu envolvimento com a banda da cantora Pitty. Em recentes apresentações abrindo para o Evanescence, no mês de outubro, Rafael Brasil — colega de Emmily no Far From Alaska — tocou com o grupo, que manteve Raphael somente na bateria.

Em comunicado, a banda afirma:

“Gostaríamos de comunicar que nosso irmão e membro fundador Jean Dolabella, que já estava afastado há algum tempo, está deixando a banda para seguir outros caminhos. Desejamos-lhe muita felicidade e sorte no futuro!

Aproveitamos o momento para dividir com vocês que novas músicas já estão no forno e estamos muito empolgados com a expansão artística que estamos vivendo! Fiquem ligados que em breve teremos mais novidades!

Obrigado pelo apoio contínuo de todos vocês e pelo carinho por nossas músicas!”

Em nota separada, Dolabella declara:

Leia também:  Confira horários de shows do I Wanna Be, festival orientado ao emo e pop punk

“Fala galera,
Não acho que exista uma forma certa ou melhor momento para dizer isso, então, vou dividir com vocês agora mesmo.

Já existiam em mim embriões de trechos de nossas músicas mesmo antes de eu fundar a banda com o Theo há mais de 10 anos. Depois disso, com a banda formada, construímos uma história incrível que não para aqui, mas chegou a hora do Ego Kill Talent e eu seguirmos caminhos diferentes.

Agradeço imensamente a todos que estiveram junto com a gente nessa caminhada cheia de conquistas inimagináveis, algumas que ainda são difíceis de acreditar. Agradeço também a todos os fãs que viveram direta ou indiretamente as emoções dessa história com a gente.

A imprevisibilidade da vida é algo assustadoramente fascinante, espero o melhor do futuro que nos aguarda.”

Mudanças no Ego Kill Talent

Em agosto de 2022, o Ego Kill Talent passou por outra mudança na formação: a saída do vocalista Jonathan Dörr, que retomou o Reação em Cadeia algum tempo depois. Emmily Barreto entrou para a banda e fez sua estreia durante shows nos Estados Unidos.

Leia também:  Bobby Tench, vocalista e guitarrista do Jeff Beck Group e Humble Pie, morre aos 79 anos

A banda já lançou dois álbuns completos, ambos com Jonathan: “Ego Kill Talent” (2017) e “The Dance Between Extremes” (2020). O segundo foi gravado no Studio 606, de propriedade do Foo Fighters, em Northridge, Califórnia, Estados Unidos.

Seu lançamento mais recente é o EP “Call Us By Her Name”, primeiro com Emmily nos vocais.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasEgo Kill Talent anuncia saída de Jean Dolabella
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades