Alice Cooper e Steven Tyler assaltaram um mercado?

Dupla estava municiada de uma garrafa de uísque e uma arma; nenhum dos dois lembra exatamente o que aconteceu

Não é segredo para ninguém a batalha cruel que Alice Cooper travou contra o alcoolismo até a metade dos anos 1980. Após uma crise que quase lhe custou a vida, o artista decidiu que era hora de deixar os maus hábitos para trás. Assim o fez e nunca mais recaiu.

Porém, esse período da vida lhe deu várias histórias para contar. Em 1989, ao se reunir com Steven Tyler visando gravar uma música para o álbum “Trash”, Vincent Furnier falou sobre a relação com o vocalista do Aerosmith.

- Advertisement -

Em entrevista à Kerrang!, resgatada pela biografia “Bem-vindo ao meu Pesadelo” (escrita por Dave Thompson), Vincent Furnier destacou:

“Faz tempo que eu queria trabalhar com Steven. Mas vivíamos tão fora da realidade que nunca conseguíamos levar a ideia adiante. Chegava ao ponto de nos encontrarmos, conversarmos sobre o que precisava ser feito e um ano se passava porque estávamos realmente desconectados do mundo.”

O último encontro até então tinha resultado em uma aventura que parece até mentira. Porém, em se tratando da dupla, não dá para duvidar.

Leia também:  AC/DC lançará todos os seus álbuns em vinil dourado

“A última vez que o vi, estávamos bebendo em Beverly Hills, no meu Rolls Royce. Eu tinha uma garrafa de uísque e ele uma arma. Eu realmente não lembro o que aconteceu. Quando o encontrei recentemente, perguntei desse dia e ele não conseguia lembrar de nada também. O que fizemos, roubamos um mercado ou algo assim?”

Nunca saberemos o que aconteceu. Quanto à parceria em estúdio, o resultado foi a balada “Only My Heart Talkin’”.

Alice Cooper e “Trash”

Décimo primeiro trabalho de inéditas de Alice, “Trash” investiu pesado na sonoridade do hard rock que estava em alta à época. Membros de Bon Jovi, Aerosmith e Toto, além de Joan Jett e hitmakers como Desmond Child e Diane Warren participaram das gravações e composições.

Leia também:  Dave Mustaine explica nas entrelinhas cancelamento do Megadeth no Rock in Rio 2022

Ex-integrantes da banda solo de Cooper, o guitarrista Kane Roberts e o baixista/vocalista Kip Winger retornaram em participações especiais. Primeiro single, a música “Poison” foi a primeira de Alice a entrar no Top 10 americano desde “You And Me”, de 1977.

“Trash” vendeu mais de 2 milhões de cópias, entrando no Top 20 de nove países. Arrematou 4 discos de platina e 9 de ouro. A turnê de divulgação rendeu o vídeo “Alice Cooper Trashes The World”, gravado durante um show em Birmingham, Inglaterra.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesAlice Cooper e Steven Tyler assaltaram um mercado?
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades