Como o Alter Bridge consegue manter formação sem mudanças? Tremonti responde

Ambiente democrático e compreensão entre os membros são apontados pelo guitarrista como o segredo da banda

São raras as bandas que passam um tempo considerável sem mudanças na formação. O Alter Bridge, na ativa desde 2004, mantém seus quatro integrantes originais até hoje: Myles Kennedy (voz e guitarra), Mark Tremonti (guitarra), Brian Marshall (baixo) e Scott Phillips (bateria), os três últimos egressos do então extinto Creed. 

Qual o segredo para isso? Em entrevista ao Blabbermouth, Tremonti explicou o que acredita ser a grande fórmula para a estabilidade: democracia e respeito.

“Nós nunca discutimos. É uma banda muito democrática. Todo mundo se respeita e se dá bem. Todo mundo sabe o que todo mundo gosta e não gosta. Nós nos damos muito bem. Eu preferiria ter alguém que fosse nota seis como músico, mas dez como pessoa, do que o contrário. Dito isso, tenho sorte. Todos os caras do Alter Bridge são nota dez.”

- Advertisement -

Outro fator abordado pelo guitarrista como importante na convivência da banda são os projetos paralelos. Segundo ele, os trabalhos por fora do Alter Bridge possibilitam desenvolver um senso de compreensão quanto a materiais recusados para a banda original.

“Uma coisa saudável para a banda são os projetos paralelos. Se eu trouxer algo que eu amo para a banda e obtiver uma reação morna, é tipo: ‘ah, bem, vou usar para minha banda solo’. Como compositor, você deve ter uma armadura. Você passa muito tempo construindo essas músicas e elas significam muito para você, se não você nem as apresentaria. […] Você tem que perceber que quando você monta uma música e alguém não gosta de uma parte dela, talvez você precise retrabalhar essa parte e obter outra opinião.” 

Além da banda Tremonti, Mark tem uma carreira solo como crooner. Já Myles Kennedy, além da trajetória como artista individual, faz parte do grupo montado por Slash com o The Conspirators.

Alter Bridge e “Pawns & Kings”

Leia também:  O único rockstar com o qual Noel Gallagher diz se identificar

Ainda durante a entrevista, Mark Tremonti comentou a perspectiva criativa de “Pawns & Kings”, sétimo álbum de estúdio do grupo, lançado ano passado. 

“O único objetivo que tínhamos era pegar a produção e fazer com que soasse como uma banda de rock simples. Muitas vezes há sintetizadores e arranjos de corda para ‘aumentar’ as músicas e torná-las mais exuberantes e atmosféricas. Cortamos tudo isso e fizemos guitarras panorâmicas, esquerda e direita, bateria e baixo. A única coisa que você não vai ouvir ao vivo são algumas camadas vocais. Quando Myles harmoniza com ele mesmo super agudo, eu não consigo alcançar essas notas. Eu só consigo harmonizar as notas que alcanço.”

Reunião do Creed

Apesar do entusiasmo, o Alter Bridge deve ficar parado pelos próximos tempos. O Creed anunciou seu retorno para celebrar os 25 anos de seu álbum de maior sucesso, “Human Clay” (1999). O segundo trabalho de estúdio do grupo vendeu mais de 20 milhões de cópias em todo o planeta, impulsionado pelos hits “Higher”, “With Arms Wide Open” e “What If”.

O primeiro compromisso oficial anunciado acontece entre os dias 18 e 22 de abril do ano que vem. O quarteto será atração principal do cruzeiro “Summer Of ’99”. Partida e chegada da viagem acontecem em Miami, Estados Unidos, com o navio Norwegian Pearl – uma espécie de veículo oficial dos eventos roqueiros do gênero – indo até Nassau, nas Bahamas e retornado.

Além do Creed, estão confirmadas as presenças do 3 Doors Down, Buckcherry, Tonic, Vertical Horizon, Fuel, The Verve Pipe, Tantric, Dishwalla, Louise Post (Veruca Salt) e Nine Days. O apresentador de rádio e TV Eddie Trunk será o mestre de cerimônias. A pré-venda de cabines acontece a partir do próximo dia 25.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesComo o Alter Bridge consegue manter formação sem mudanças? Tremonti responde
Tairine Martins
Tairine Martinshttps://www.youtube.com/channel/UC3Rav8j4-jfEoXejtX2DMYw
Tairine Martins é estudante de jornalismo na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Administra o canal do YouTube Rock N' Roll TV desde abril de 2021. Instagram: @tairine.m

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades