Lenine e Amanda Somerville participam de novo álbum do Angra

“Cycles of Pain” também terá a colaboração de Vanessa Moreno; presenças anteriormente divulgadas de Fernanda Lira e outras cantoras não constam em anúncio oficial

Entre os primeiros detalhes divulgados de “Cycles of Pain”, novo álbum do Angra, chamou atenção a lista de participações especiais. De acordo com a gravadora Atomic Fire Records, Lenine colabora com a banda na música “Vida Seca”, com letras em português e inglês. As vocalistas Amanda Somerville (americana conhecida pelo trabalho com o Avantasia e Kiske/Somerville) e Vanessa Moreno (brasileira tida como nome de destaque da MPB contemporânea) também foram anunciadas, em faixas não confirmadas.

A informação consta apenas em uma seção específica do site da gravadora, não estando no press-release enviado na manhã desta terça-feira (4). Não há menção às presenças anteriormente divulgadas das cantoras brasileiras Fernanda Lira (Crypta), May Puertas (Torture Squad), Angel Sberse (ex-Malvada) e Karina Menascé (Allen Key), confirmadas no início do ano em uma publicação do grupo nas redes sociais.

- Advertisement -

Décimo álbum de estúdio do Angra, “Cycles of Pain” chega a público dia 3 de novembro por meio da Atomic Fire, gravadora alemã que trabalha com Helloween, Opeth, U.D.O., Michael Schenker, entre outros nomes. Dois dias antes, sai no Japão através do selo Victor/JVC.

Será o primeiro álbum da banda a repetir uma formação desde “Aurora Consurgens” (2006). O grupo conta hoje com Fabio Lione (voz), Rafael Bittencourt (guitarra), Marcelo Barbosa (guitarra), Felipe Andreoli (baixo) e Bruno Valverde (bateria), a mesma configuração responsável pelo antecessor, “Ømni” (2018).

A tracklist ainda não foi anunciada. Dennis Ward (Helloween, Magnum, Firewind) ficou a cargo da mixagem e masterização. A capa, feita por Erick Pasqua com layout de Jonathan Canuto, pode ser conferida abaixo.

Também no dia 3 de novembro, o Angra fará um show de lançamento do álbum no Tokio Marine Hall, em São Paulo. Mais detalhes serão revelados em breve.

Em nota, Rafael Bittencourt comentou sobre “Cycles of Pain”:

“Para mim, que comecei a banda há mais de 30 anos, mas também para todos na banda, agora estamos na terceira geração, o que significa na era do nosso terceiro vocalista. Será o terceiro disco da terceira geração. É o nosso décimo álbum de estúdio, então é como manter o legado, mas também focando no futuro.”

No texto, que foi enviado à imprensa internacional, o guitarrista também refletiu sobre o nome da banda.

Leia também:  12 bandas que você nunca ouviu falar, mas que lançaram boas músicas hoje (21/06)

“É muito engraçado ter essa parceria com a Atomic Fire Records porque a palavra ‘Angra’ também significa um lugar no Brasil onde um reator atômico foi construído nos anos 70 (Angra dos Reis). Essa usina nuclear foi criada basicamente para originar uma espécie de energia limpa, mas é muito poderosa a ponto de poder salvar o mundo de uma forma, mas também destrui-lo. Este álbum será uma explosão muito grande, metaforicamente falando, e espero ‘queimar’ o mundo com músicas que podem curar a alma de pessoas tristes e solitárias.”

Por sua vez, o A&R da Atomic Fire Records, Markus Wosgien, afirma:

“Lembro de receber a demo do Angra, ‘Reaching Horizons’, em 1992 para o fanzine que eu editava nos anos 90. Fiquei imediatamente apaixonado, era uma nova forma de power metal – e depois de ter deixado o Viper, Andre Matos (vocalista) finalmente tinha uma nova casa naquela época. Um ano depois, ‘Angels Cry’, que ainda considero um dos melhores álbuns de power metal de todos os tempos, foi lançado e, ao longo dos anos, o Angra sempre se desenvolveu, mas ainda permaneceu fiéis a si mesmos.

Estamos mais do que felizes em fazer parte do futuro deles agora e lançar seu décimo álbum de estúdio que nos surpreendeu mais uma vez. Para nós, o Angra também é uma questão de amor, já que eles são uma banda que sempre acompanhamos, respeitamos e admiramos. Toda a nossa equipe está mais do que orgulhosa de que a banda e seu empresário decidiram se juntar ao nosso cast e confiar em nós.”

Os DVDs do Angra

Além do novo álbum, o Angra deve disponibilizar dois registros ao vivo nos próximos tempos. Um deles contará com uma performance na íntegra de “Cycles of Pain”, durante o cruzeiro 70000 Tons of Metal, que acontece entre 29 de janeiro e 4 de fevereiro, partindo de Miami, Estados Unidos, em direção a Puerto Plata, República Dominicana – e regressando, obviamente.

O outro material é acústico. Um show marcado para acontecer no dia 12 de agosto, no teatro Ópera de Arame, reunirá os principais sucessos do grupo no formato, também sendo gravado para lançamento posterior.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioLançamentosLenine e Amanda Somerville participam de novo álbum do Angra
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades