Foto: Marco Ovando

Por que Anitta é a pessoa que resume o rock ‘n’ roll em 2022, segundo Tony Bellotto

Integrante dos Titãs afirma que sensualidade transgressora e atitudes progressistas fazem cantora simbolizar o gênero musical

O espírito do rock ‘n’ roll está presente em 2022 concentrado na forma de Anitta, segundo o guitarrista Tony Bellotto. O integrante dos Titãs não mediu elogios à cantora em um vídeo para a Rolling Stone Brasil comemorando o Dia Mundial do Rock.

Conforme transcrito pelo site, ele declarou:

“A mim parece bastante óbvio e é a Anitta. Eu não vejo ninguém mais rock and roll que a Anitta hoje em dia. Acho que a Anitta tem tudo que a gente se acostumou a ver como a força revolucionária do rock ‘n’ roll.”

Explicando seu raciocínio, Bellotto compara os quadris de Anitta com os de Elvis Presley, ambos simbolizando uma “sensualidade perturbadora” aos costumes. Quanto à personalidade da artista, cuja obra é ligada ao funk e à música pop, ele aponta como as atitudes dela representam o rock ‘n’ roll:

“Ela é uma mulher independente, uma mulher livre, progressista, diz o que pensa, faz o que quer, transa com quem ela quer, faz o que ela quer. A Anitta é rock’n’roll, a Anitta é rock. Ela tem a atitude de todos os Mick Jaggers, David Bowies, Rita Lees, tudo ali concentrado nela. Então acho que ela traduz muito bem o espírito do rock ‘n’ roll, que há muito tempo deixou de ser uma forma musical e se tornou um estilo de vida e mais do que isso, uma atitude em relação à vida.”

Veja o vídeo completo abaixo.

Anitta resume o rock ‘n’ roll em 2022 para Tony Bellotto

Titãs hoje em dia

Atualmente, os Titãs estão gravando um novo álbum de estúdio que deve sair ainda neste semestre, em data a ser confirmada. Será o primeiro de inéditas desde a ópera rock “Doze Flores Amarelas”, parceria com Hugo Possolo e Marcelo Rubens Paiva que saiu em três atos, lançados entre o final de abril e a primeira metade de maio de 2018.

Ano retrasado o grupo disponibilizou “Titãs Trio Acústico”, com releituras para 24 músicas de sua carreira. Assim como no caso anterior, o material também foi oferecido em três partes.

Reunião da formação clássica

Em recente entrevista à Rádio Gaúcha, Tony Bellotto não descartou a possibilidade de uma reunião com os antigos membros como parte da celebração de 4 décadas de história.

“Esta ideia de fazer a reunião existe sim, existe uma conversa. Talvez seja no ano que vem, a gente não sabe ainda, mas essa possibilidade existe sim.”

A atual formação conta com três membros originais: Sérgio Britto, Branco Mello e Tony Bellotto. Completam o time Beto Lee e o baterista Mario Fabre.

Do line-up considerado clássico, Paulo Miklos deixou a banda em 2016; Charles Gavin saiu em 2010; Nando Reis, em 2002 e Arnaldo Antunes em 1992. O guitarrista Marcelo Fromer morreu em 2001.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
  1. Enquanto tiver corpo, boa aparência e jovem…todo o mundo vai elogiar Anitta, em termos de música e conteúdo cada um com o seu gosto pessoal!!!! Agora eu lhe pergunto: Quem vc vai querer ver um dia fazendo um show com 85 anos de idade relembrando os clássicos??? Anitta ou Axl Rose do Guns, entenda a lógica da pergunta!!!! Vivemos em uma época de modismo e aparência, infelizmente conteúdo só vem depois em termos de música…principalmente na música brasileira!!!! Valeu!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
29
Share