Roberto Carlos fala pela primeira vez sobre ter mandado fã calar a boca

Recorrendo a um palavrão que “saiu sem querer”, cantor tentou explicar situação aos fãs em show na mesma casa de eventos no Rio

“Esse cara aqui que sou eu” era a aparente mensagem sendo mandada por Roberto Carlos na última quarta-feira (20), durante seu show na casa de espetáculos Qualistage, no Rio de Janeiro. 

Uma semana após uma apresentação polêmica no mesmo lugar durante a qual se irritou com uma aglomeração fora de hora na frente do palco, mandou um fã calar a boca e distribuiu rosas de cara fechada, o rei dessa vez era só sorrisos. Ele tentou explicar o mal humor, deixando escapar um palavrão:

“Quero falar um negócio… depois do que aconteceu semana passada, para quem vier pegar as rosas, espera acabar a canção ‘Jesus Cristo’. É que se não, eu posso estar nervoso né. E quando eu fico nervoso, p#rra… (risos). Saiu sem querer, viu?! Meu negócio não é falar, é cantar. Quero cantar falando tudo o que sinto.”

Na sequência, como de costume, distribuiu rosas à plateia. Diante de um novo princípio de tumulto, o cantor novamente recorreu a um palavrão ao dizer:

“Calma, p#rra!”

Desta vez, porém, estava com um sorriso no rosto, indicando que estava apenas de brincadeira.

Assista abaixo ao vídeo das desculpas, cortesia da Veja:

Roberto Carlos se irrita em show

A confusão no show anterior ocorreu por causa de uma mudança no setlist do cantor. Normalmente, o público vai para a frente do palco nas últimas duas músicas: “Como é Grande Meu Amor Por Você” e “Jesus Cristo”. Os fãs fazem isso para pegar as rosas distribuídas pelo artista.

Naquele dia, porém, o rei quis incluir uma canção antes das duas: “Cavalgada”.  Como ninguém sabia que haveria uma música precedendo “Como é Grande o Meu Amor Por Você”, algumas pessoas se aglomeraram antes da hora bem na frente de Roberto, que ficou incomodado com a situação.

Um fã em especial chegou a atrapalhar bastante ao gritar:

“A minha mãe tá aqui, hein! Ela quer casar contigo!”

O momento do rei perdendo a calma e gritando com essa fã foi capturado em vídeo, que você pode ver abaixo:

Biógrafo não-autorizado comenta

Em entrevista ao F5 sobre o ocorrido, Paulo César Araújo, autor da biografia não-autororizada sobre o rei, comentou sobre a confusão:

“Isso é um sinal claríssimo de que está na hora de mudar alguma coisa. Os fãs sabem exatamente o que vai acontecer, que músicas ele vai cantar, e em que ordem. Então todo mundo se sente à vontade para gritar quando chega perto da hora de pegar as rosas. Ele deveria até pensar em parar de jogar as flores, o gesto já está muito mecânico.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
  1. Roberto tem esses problemas com cores, números e supertições!!!! Assim como muito tem esses problemas e que ao mesmo tempo tem que se adaptar, não é justo dizer que por não ter seguido sua sequencia de passos ou teorias…mal tratar um fã!!!! Conheço pessoas que tem problemas similares…e usei bem o que acontece quando elas não seguem aquele roteiro ou ordem do que fazer no seu dia a dia…se irritam a toa mesmo, para quem não entende acha que a pessoa está louca, mas é uma doença mesmo!!!! O fator crucial é a pessoa admitir que tem um problema com isso!!!! Manias se misturam com rotinas e rotinas são seguidas a risco, datas e horas!!!! valeu!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
18
Share