Por que Tom Ellis não fará Lúcifer da série “Sandman”, segundo Neil Gaiman

Autor das HQs falou das diferenças entre as duas versões do príncipe do inferno e a continuidade das histórias dentro do universo da DC – onde as duas obras coexistem

Muitos fãs dos quadrinhos da DC esperavam que o ator Tom Ellis retornasse ao papel de Lúcifer, o mandatário do inferno, na série de “Sandman”, adaptada do mesmo universo. Porém, nesta outra produção, o o demônio será vivido por Gwendolyne Christie, a Brienne de Tarth de “Game of Thrones”.

Quem explica essa escolha é o próprio autor das HQs e produtor executivo da série, Neil Gaiman. Respondendo a fãs no Twitter, rede social em que é bastante ativo, o criador do Sandman falou sobre a razão da troca.

“Porque o Lúcifer dele, enquanto inspirado pelo Lúcifer de ‘Sandman’, está tão distante em termos da continuidade de Sandman ao fim de ‘Lúcifer’, que é mais fácil para todo mundo voltar à versão dos quadrinhos. E dessa forma você não sabe o que nosso Lúcifer vai fazer. O de Tom é amável.”

Neil Gaiman se refere à continuidade das HQs da DC. Lúcifer faz sua estreia em “Sandman” e os eventos de sua HQ solo, que inspiraram a série do personagem, acontecem depois.

Dessa forma, trazer Gwendolyne Christie no papel é uma forma de retomar o Lúcifer original de “Sandman”, já que a versão de Tom Ellis é bem diferente e se passa “no futuro”.

A série de “Sandman” ainda não tem data de estreia na Netflix.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
7
Share