Como surgiu ideia para nova música do Pink Floyd, segundo David Gilmour

Guitarrista garantiu em entrevista que “Hey Hey Rise Up” será a única faixa lançada pela banda nesta reunião

O Pink Floyd lançou na última sexta-feira (8) a música “Hey Hey Rise Up”. Trata-se do primeiro material inédito em 28 anos – considerando que as faixas de “The Endless River” foram compostas e trabalhadas durante as sessões de “The Division Bell”, exceção feita à letra e a alguns trechos de “Louder than Words”.

Disponibilizada como single, “Hey Hey Rise Up” conta com participação do cantor Andriy Khlyvnyuk, da banda ucraniana Boombox. A renda obtida com a faixa será destinada ao Fundo Humanitário da Ucrânia, que presta auxílio devido aos ataques russos contra o país.

Em entrevista à Rolling Stone, o guitarrista David Gilmour falou sobre como a ideia surgiu após ver um vídeo de Andriy cantando enquanto estava fardado em vigília para ajudar os compatriotas, deixando sua carreira artística momentaneamente de lado.

“Minha nora, que é ucraniana, me enviou a gravação e eu pensei: ‘uau, isso é fantástico’. Apenas me ocorreu que aqui estamos, com nosso nome e esta plataforma, logo poderíamos usá-la mais. Esse pedaço de canto imediatamente me fez pensar em transformá-lo em algo maior.”

Então, o músico entrou em contato com o baterista Nick Mason, seu colega de mais de meio século. O baixista Guy Pratt e o tecladista Nitin Sawhney completaram a formação. Todo o processo não durou mais de uma semana. Curiosamente, a ideia de usar o nome da banda partiu do homem das baquetas.

“Falei com Nick e ele se mostrou propenso a resgatar o nome Pink Floyd. Foi uma ideia que nem contestamos. Sabemos que é algo que causa impacto. Queremos espalhar uma mensagem de paz e elevar a moral das pessoas que estão na linha de defesa do conflito.”

Pink Floyd e David Gilmour

A princípio, a parceria foi apenas para a música em questão. No momento, David Gilmour trabalha em músicas visando seu próximo trabalho solo. “Rattle That Lock”, o mais recente, saiu em setembro de 2015. Quarto trabalho solo de inéditas do músico, chegou ao top 10 em 26 paradas internacionais, incluindo a brasileira. Arrematou sete discos de ouro e um de platina.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
11
Share