Foto: reprodução / Facebook / Genesis

Genesis encerra carreira em show com Peter Gabriel na plateia; veja vídeos

Apresentação final da banda liderada por Phil Collins, Mike Rutherford e Tony Banks foi realizada na O2 Arena, em Londres, Inglaterra

Em show realizado neste sábado (26), o Genesis encerrou a turnê “The Last Domino?”. E, consequentemente, sua carreira.

A apresentação realizada na O2 Arena (antiga Wembley Arena), em Londres, contou com uma presença especial no público: Peter Gabriel, vocalista da banda entre 1967 e 1975 – fase que causa suspiros saudosistas nos fãs até hoje. Ele foi saudado por Phil Collins antes da execução da música “Domino”. E não, não subiu ao palco.

O repertório contou com as músicas listadas a seguir.

O último show do Genesis

Set 1 

  1. Behind the Lines / Duke’s End (do álbum Duke, 1980)
  2. Turn It On Again (Duke, 1980)
  3. Mama (Genesis, 1983)
  4. Land of Confusion (Invisible Touch, 1986)
  5. Home by the Sea (Genesis, 1983)
  6. Second Home by the Sea (Genesis, 1983)
  7. Fading Lights (We Can’t Dance, 1991)
  8. The Cinema Show (Selling England By the Pound, 1973)
  9. Afterglow (Wind & Wuthering, 1976)

Set acústico

  1. That’s All (Genesis, 1983)
  2. The Lamb Lies Down on Broadway (The Lamb Lies Down On Broadway, 1973)
  3. Follow You Follow Me (And Then There Were Three, 1978)

Set 2

  1. Duchess (Duke, 1980)
  2. No Son of Mine (We Can’t Dance, 1991)
  3. Firth of Fifth (Selling England By the Pound, 1973)
  4. I Know What I Like (In Your Wardrobe) (Selling England By the Pound, 1973)
  5. Domino (Invisible Touch, 1986)
  6. Throwing It All Away (Invisible Touch, 1986)
  7. Tonight, Tonight, Tonight (Invisible Touch, 1986)
  8. Invisible Touch (Invisible Touch, 1986)

Bis

  1. I Can’t Dance (We Can’t Dance, 1991)
  2. Dancing With the Moonlit Knight (Selling England By the Pound, 1973)
  3. The Carpet Crawlers (The Lamb Lies Down On Broadway, 1973)

Vídeos podem ser assistidos abaixo.

“Behind the Lines” / “Duke’s End” / “Turn It On Again”

“Land of Confusion”

“Domino”

“Carpet Crawlers”

A formação que encerrou a história da banda contou com Phil Collins (vocais), Mike Rutherford (guitarra e baixo) e Tony Banks (teclados). Completam o grupo de apoio Darryl Stuermer na guitarra e baixo, além de Nic Collins – filho de Phil – na bateria e os backing vocals Daniel Pearce e Patrick Smyth.

A pandemia impediu maiores viagens, o que concentrou a excursão na América do Norte e Europa. Com isso, o Genesis conclui sua história tendo passado apenas uma vez pelo Brasil, em maio de 1977. A visita contou com dois shows em Porto Alegre, quatro no Rio de Janeiro e seis em São Paulo. À época, o ainda quarteto contava com o guitarrista Steve Hackett e divulgava “Wind & Wuthering”, seu oitavo álbum de estúdio.

O Genesis se despede 55 anos após seu surgimento, com 15 álbuns de estúdio e mais de 150 milhões de discos vendidos em todo o planeta.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

2 comentários
  1. Quase todas as músicas tocadas não eram da fase Peter Gabriel. Lamentável que Steve Hacket também não estava presente. Uma despedida insignificante

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
304
Share