Foto: Danny Clinch / divulgação

Foo Fighters lança a inédita ‘No Son of Mine’ no primeiro dia de 2021; ouça

O Foo Fighters começou 2021 com uma música inédita. A faixa, intitulada ‘No Son of Mine’, foi liberada nesta sexta-feira (1°) e faz parte do próximo álbum da banda, ‘Medicine at Midnight’, que chega em fevereiro.

O Foo Fighters começou 2021 com uma música inédita. A faixa, intitulada ‘No Son of Mine’, foi liberada nesta sexta-feira (1°) e faz parte do próximo álbum da banda, ‘Medicine at Midnight’, que será lançado no próximo dia 5 de fevereiro, por meio da RCA / Sony Music.

Você pode ouvir ‘No Son of Mine’ no player a seguir. Clique aqui para acessá-la em outras plataformas digitais.

Foo Fighters – ‘No Son of Mine’

Confira, também, o videoclipe de ‘Shame Shame’, primeiro single do álbum. O vídeo tem direção de Paola Kudacki e traz a atriz Sofia Boutella ao lado do vocalista e guitarrista Dave Grohl.

Foo Fighters – ‘Shame Shame’

Sobre ‘Medicine at Midnight’

‘Medicine at Midnight’ foi produzido por Greg Kurstin em parceria com o Foo Fighters, além de ter sido projetado por Darrell Thorp e mixado por Mark “Spike” Stent. São, ao todo, nove faixas totalizando 37 minutos de duração. A tracklist está ao fim da matéria.

O novo trabalho sucede ‘Concrete & Gold’, divulgado em 2017 e também produzido por Kurstin. A respectiva turnê de divulgação passou pelo Brasil em duas ocasiões, em 2018 e 2019. Na primeira, a banda tocou em São Paulo (duas noites), Rio de Janeiro (no estádio do Maracanã), Curitiba e Porto Alegre. Já na segunda, rolou apenas um show, no festival Rock in Rio.

Clique para comprar produtos do Foo Fighters:

Clique para saber mais detalhes sobre ‘Medicine at Midnight’, o novo álbum do Foo Fighters. Veja, a seguir, a capa e a tracklist do disco, além da letra de ‘No Son of Mine’.

Foo Fighters – ‘Medicine at Midnight’

01. Making A Fire
02. Shame Shame
03. Cloudspotter
04. Waiting On A War
05. Medicine At Midnight
06. No Son Of Mine
07. Holding Poison
08. Chasing Birds
09. Love Dies Young

Letra de ‘No Son of Mine’

“No son of mine will ever do
The work of villains, the will of fools
If you believe it
It must be true
No son of mine
No son of mine

No son of mine will ever need to beg forgiveness
No wicked deed
Head full of evil, heart full of greed
No son of mine
No son of mine

Here we are
Living dead
Hand to God with one foot in the grave
Age of lost innocence
Don’t forget what your good book says
No son of mine

No son of mine will ever be
Under the power vested in thee
March into slaughter down on his knees
No son of mine
No son of mine

Here we are
Living dead
Hand to God with one foot in the grave
Age of lost innocence
Don’t forget what your good book says
No son of mine

No son of mine will ever say
Words of illusion, oh this I pray
Heretofore taking my name in vain
No son of mine
No son of mine

Here we are
Living dead
Hand to God with one foot in the grave
Age of lost innocence
Don’t forget what your good book says
No son of mine”

* Foto da matéria: Danny Clinch / divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share