Destaque Notícias

Quarentena fez consumo de música via streaming cair, revela estudo


O consumo de música por meio de aplicativos de streaming de música, como Spotify e Apple Music, sofreu queda durante o período de quarentena, causado pela pandemia do novo coronavírus. A informação foi obtida através de um estudo feito pelo BuzzAngle e Alpha Data.

Segundo o levantamento, o consumo em serviços de streaming de áudio na última semana, entre os dias 13 e 19 de março, nos Estados Unidos, foi de 13,8 bilhões de plays. O número registrado é 8,8% menor que o da semana anterior, que registrou 15,1 bilhões de streams.

Os números incluem informações obtidas a partir de plataformas como Spotify, Apple Music, Amazon Music, YouTube Music e Pandora, entre outras. O levantamento não considerou serviços que não sejam interativos, como rádios digitais.

Curiosamente, o estudo aponta que a popularidade dos serviços de streaming em tempos de quarentena é equivalente ao do fim do ano, em que as pessoas não usam tanto os aplicativos por estarem de férias ou em meio às festas como Natal e Réveillon.

O levantamento também descobriu que o streaming de vídeo, como Netflix e o próprio YouTube, aumentou na última semana, o que mostra a preferência dos internautas em meio à quarentena. Outra plataforma que bateu recorde é a Steam, de games, que registrou seu índice de acessos mais altos da história no último fim de semana.

A pouca movimentação da indústria musical nos últimos dias também pode colaborar com os dados mais baixos. Muitos artistas estão adiando seus lançamentos, já que não poderão promovê-los em turnês ou mesmo em rodadas de entrevistas, devido à recomendação de isolamento social por parte das autoridades de saúde.

O estudo pode ser conferido, na íntegra, no site Music Business Worldwide.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Apaixonado por rock desde a pré-adolescência, começou a escrever sobre música na internet em 2007. Anos depois, co-fundou o site Van do Halen e trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia. Atualmente, é redator-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia sites como o Cifras, Ei Nerd e outros. Também é redator do Whiplash.Net, o maior site de rock e heavy metal do Brasil.
http://igormiranda.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *