Notícias

Metallica muda rotina de trabalho para priorizar saúde física e mental



Os integrantes do Metallica estão preocupados com o estado de sua saúde física e mental. Por isso, o método de trabalho da banda passou por alterações, nos últimos tempos, para que os músicos não fiquem desconfortáveis com suas obrigações.

A revelação foi feita pelo baterista Lars Ulrich, em entrevista ao Courier Mail. A principal mudança tem a ver com a programação das turnês, que, agora contam com pausas mais frequentes.

“Nós costumamos fazer duas semanas de shows e, depois, vamos para casa recarregar as baterias. O bom desse modelo é que você sempre vai poder contar com o fato de estar em casa e se recuperar após algumas semanas”, afirmou.

– Como Lars Ulrich e o tímido James Hetfield se conheceram e formaram o Metallica

Ulrich destacou que o Metallica tenta combinar essa agenda de trabalho para “encontrar um equilíbrio em estabilidade física e mental”. “A gente não tem que fazer o que os outros fazem (com relação a turnês). Estamos interessados no longo prazo e é um investimento para continuarmos trabalhando daqui 10 ou 15 anos e, com esperança, seguir tocando nos anos finais de forma decente, como Rolling Stones, Neil Young e Paul McCartney”, disse.

Por fim,  Lars comentou que a saúde física não é mais importante que a mental – as duas são imprescindíveis para uma banda trabalhar em longo prazo. “Obviamente, quando você está chegando na metade dos 50 anos e seu estilo musical ainda é incrivelmente físico e exige habilidade para se conectar, os ombros, joelhos, pescoço, cotovelos… tudo precisa estar na melhor forma possível”, afirmou.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *