Notícias

Achava que seria muito se durasse 5 anos, diz Roger sobre Ultraje A Rigor



O vocalista e guitarrista Roger Moreira não acreditava que o Ultraje A Rigor durasse muito tempo. Em entrevista ao documentário “Ultraje”, sobre a banda, que estreia no próximo dia 31 de janeiro, ele falou sobre a longevidade da carreira do grupo, formado no início da década de 1980.

“Eu sinceramente não esperava que fosse tanto (tempo de carreira). Cara mais jovem não tem muita noção do que é o tempo. Então eu achava que, se durasse cinco anos, seria um puta tempo”, afirmou, em um teaser do documentário.

Roger contou, ainda, que ouve rock desde muito criança. “Minha mãe gostava de rock. Minha ideia inicial era tocar na noite, fazer cover. A gente teve muito cuidado para fazer músicas com letras duradoras”, disse.

“Ultraje”, o documentário, tem direção de Marc Duordin e foi produzido em parceria com o Canal Brasil. A estreia será na rede Cinemark, na sessão “Projeta às 7”.

Assista ao teaser:


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *