Gravadora suspende propaganda eleitoral de Tiririca com paródia de Roberto Carlos

A gravadora Sony vetou a campanha eleitoral do palhaço e deputado federal Tiririca, candidato à reeleição pelo Partido da República (PR) em São Paulo.
Tiririca fez uma paródia de Roberto Carlos, com visual semelhante ao do cantor e canta uma versão de letra alterada da música “O Portão”. O palhaço e deputado federal dá a entender que o Rei também votou nele e, neste momento, a canção tem início. A paródia também faz alusão a uma propaganda que Roberto fez para uma empresa do ramo alimentício.
O vídeo da campanha eleitoral de Tiririca foi vetado no YouTube pela gravadora Sony. No site, aparece uma mensagem que relata que o conteúdo foi suspenso como reivindicação dos direitos autorais da EMI Songs, pertencente à Sony ATV Music.
Em entrevista ao site da revista Exame, o advogado José Diamantino, que defende a Sony, afirma que o partido utilizou a música sem autorização. “A iniciativa partiu da editora, e não de Roberto ou Erasmo”, garante Diamantino. Até o fechamento desta reportagem, a assessoria do PR não comentou o caso.
O vídeo oficial foi suspenso, mas vários usuários do YouTube repostaram a paródia eleitoral. Confira abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share