Journey tentou tirar Van Halen de turnê em 1978, segundo Michael Anthony

Revelação do rock à época, banda de abertura só não foi expulsa por ter aumentado as vendas de ingressos para os shows

No final dos anos 1970, o Van Halen era a grande revelação do rock. Com o guitarrista Eddie Van Halen espantando o planeta através de sua técnica revolucionária, a banda roubava a cena e chegava a superar as atrações para quais abria turnês – os membros da formação original do Black Sabbath já admitiram isso sem qualquer problema.

O Journey não teve o mesmo espírito esportivo. Quem garante é Michael Anthony. O baixista relembrou ao The Eddie Trunk Podcast que Steve Perry e companhia chegaram a pedir a exclusão do quarteto de uma excursão realizada em 1978.

- Advertisement -

Disse o instrumentista, conforme transcrição do Guitar.com:

“Estávamos em chamas naquele período. Toda semana o Journey tentava nos tirar da turnê. Mas nossa presença fazia com que mais ingressos fossem vendidos. Assim, a gravadora sempre os respondia que não dava para fazer aquilo.”

Eddie Van Halen e o Journey

Em entrevista de 1996 à Guitar WorldEddie Van Halen relembrou a mesma turnê. As memórias apresentaram semelhanças às de Mike. Conforme resgate do site Far Out Magazine, a lenda da guitarra contou, enfatizando que buscava dar o troco junto a seus colegas:

“Costumávamos deixar as pessoas loucas. Por exemplo, bem no início, estávamos em uma turnê de divulgação do Journey. Eles nunca nos davam passagem de som e nos tratavam como m*rda em geral, então gostávamos de aprontar com eles de qualquer maneira que pudéssemos.”

Leia também:  A estratégia de Bob Dylan para impedir uso de celulares em seus shows

Os shows em questão aconteceram na virada dos anos 1970 para os 80 e também tinha o Montrose no cast. A banda do guitarrista Ronnie Montrose revelou Sammy Hagar, vocalista de seus dois primeiros álbuns. Posteriormente, ele realizaria o projeto HSAS com Neal Schon, responsável pelas seis cordas no Journey. Logo na sequência, entraria para o próprio Van Halen, onde permaneceria por 11 anos.

Apesar dos conflitos, Eddie e Schon realizaram várias aparições conjuntas em shows e eventos posteriores ao estranhamento. Quando Van Halen faleceu, em outubro de 2020, Neal deu o seguinte testemunho público:

“Fui atingido com força pela morte de Eddie, como aconteceu com muitas pessoas. Fomos muitos próximos nos anos 80, vivíamos juntos, fosse para tocar, conversar sobre música ou apenas saber notícias um do outro.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesJourney tentou tirar Van Halen de turnê em 1978, segundo Michael Anthony
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades