Mãe de Paul McCartney inspirou verso específico de “Yesterday”, dos Beatles

Mary, mãe do artista, faleceu quando ele tinha apenas 14 anos, vitimada por um câncer

Após quase 60 anos, Paul McCartney reconheceu que “Yesterday”, uma das músicas mais conhecidas dos Beatles, possui uma referência à sua mãe – desconfiança que já rondava a cabeça dos especialistas na obra do Fab Four desde o lançamento. Mary faleceu de câncer quando o músico tinha 14 anos.

O momento específico está na passagem que diz “I said something wrong, now I long for yesterday”, que em português significaria “Eu disse algo errado, agora anseio por ontem”. De acordo com o autor, a frase pode ter sido inspirada inconscientemente por um momento em que ele zombou da mãe por parecer “elegante”.

- Advertisement -

Disse o artista, em declaração ao podcast “McCartney: A Life in Lyrics”, transcrita pelo The Guardian:

“Às vezes você se dá conta de ter feito algo errado apenas quando olha para trás. Lembro-me muito claramente de um dia ter me sentido muito envergonhado porque constrangi minha mãe. Estávamos no quintal e ela falava de forma chique. Era de origem irlandesa e enfermeira, então estava acima do nível popular. Então ela tinha algo a seu favor e falava de modo que achávamos ser um pouco mais elegante. E era um pouco galesa também – ela tinha contatos, sua tia Dilys era galesa.”

Até por isso, algo inesperado aconteceu.

Leia também:  Como a estreia dos Rolling Stones ajudou a moldar o rock inglês

“Ela disse algo como ‘Paul, você pode perguntar (‘arsk’) se ele está indo a…’ Eu estranhei e retruquei ‘Asrk? Asrk? É ask (‘perguntar’ em inglês), mãe.’ E ela ficou um pouco envergonhada. Lembro depois de remoer e pensar ‘meu Deus, queria nunca ter dito isso’. E isso ficou comigo. Depois que ela morreu, pensei ‘ah, droga, eu realmente queria jamais ter feito isso’.”

Paul McCartney reconhece o tema da música

Por conta de toda a história envolvendo o compositor, muitos fãs do grupo de Liverpool entendiam que a canção fala sobre a perda da figura materna. Talvez em um ato de defesa, Macca sempre evitou admitir. Até agora. Conforme o HuffPost:

“Quando alguém sugeria que essa era uma música sobre ter perdido minha mãe eu sempre dizia: ‘não, acho que não’. Mas quanto mais você pensa sobre isso, a frase ‘por que ela teve que ir, eu não sei, ela não diria’ faz sentido. Perdi minha mãe para o câncer e ninguém dizia nada sobre a situação. Não sabíamos o que era a doença à época.”

O episódio completo do podcast, baseado no livro homônimo, pode ser conferido clicando aqui.

Leia também:  Executiva conta como festivais convenceram Slayer a voltar

Beatles e “Yesterday”

Com mais de 3 mil diferentes versões, “Yesterday”, dos Beatles, é uma das músicas mais coverizadas de todos os tempos. A composição, também assinada por John Lennon, pode ser encontrada em interpretações dos mais variados artistas e estilos.

A versão original de “Yesterday” faz parte do álbum “Help!”, lançado em 1965. Quinto trabalho de estúdio dos Beatles, serviu como trilha sonora do filme de mesmo nome.

Foi o primeiro disco de rock a concorrer ao Grammy na categoria Álbum do Ano. Chegou ao número 1 de todas as paradas de sucesso mais importantes do mundo, tendo vendido, à época, cerca de 3 milhões de cópias só nos Estados Unidos.

Vale lembrar que a melodia de “Yesterday” veio a Paul em um sonho, de acordo com o próprio. Seu título provisório era “Scrambled Eggs” (“Ovos mexidos”, em português) e a letra era, digamos, nada moralista para a época.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesMãe de Paul McCartney inspirou verso específico de “Yesterday”, dos Beatles
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades