A opinião de Slash sobre o novo disco dos Rolling Stones

Guitarrista exaltou trabalho do produtor Andrew Watt, além dos colegas de instrumento Keith Richards e Ronnie Wood

Prestes a desembarcar no Brasil para mais uma turnê com o Myles Kennedy & The Conspirators, Slash conversou com o jornal O Globo. Nela, falou sobre o ritmo de vida na estrada, tanto em carreira solo quanto com o Guns N’ Roses.

Também deixou claro não se importar com o fato de o rock não estar mais no topo das paradas há algumas décadas. De certo modo, ele ressalta que mesmo nos picos de popularidade, o estilo esteve acompanhado de outros.

- Advertisement -

Disse o homem da cartola e da Les Paul durante a entrevista:

“O rock sempre foi o patinho feio da música. Mesmo quando era o gênero mais popular, nos anos 1970, havia o pop, a disco e outros sempre no topo das paradas. Eu não dou atenção a isso, faço a música de que gosto e sei que muita gente pensa parecido e vem me ver tocar.”

Para citar um exemplo concreto de como a qualidade se faz presente, recorreu ao lançamento mais recente de ídolos.

Leia também:  Gibson anuncia linha de guitarras em parceria com Jimmy Page, começando pela doubleneck

“Você ouviu a p*rra do disco dos Rolling Stones? Fiquei muito impressionado. A produção de Andrew Watt tirou um som vivo das músicas, que são ótimas. O som das guitarras… Não preciso dizer o quanto Keith Richards é bom, mas acho Ronnie Wood um guitarrista muito subestimado. Ele sabe tocar qualquer coisa! E tem sua própria personalidade, não quer ser Jeff Beck ou Jimmy Page. É o par perfeito para Keith.”

Rolling Stones e “Hackney Diamonds”

Lançado no último mês de outubro, “Hackney Diamonds” é o álbum mais recente dos Rolling Stones. O 24º trabalho da discografia britânica do grupo — 26º na americana — chegou ao topo de 20 paradas internacionais, incluindo Reino Unido (onde já faturou disco de ouro), Alemanha, França e Argentina. Ainda foi Top 10 em outras 9, com destaque para o 2º lugar nos Estados Unidos.

Leia também:  Journey: como Neal Schon e Jonathan Cain fizeram as pazes, segundo Deen Castronovo

Além de Lady Gaga e Stevie Wonder, o registro conta com participações de Paul McCartney e Elton John, além do ex-baixista da banda, Bill Wyman. Falecido em 2021, o baterista Charlie Watts aparece em duas faixas, com o resto tendo sido registrado por Steve Jordan, atual titular das baquetas.

Slash no Brasil em 2024

As próximas apresentações de Slash no país fazem parte da “The River Is Rising – Rest of the World Tour ’24”. Eis as datas e locais:

  • 29/01 Belo Horizonte, Arena Hall
  • 31/01 São Paulo, Espaço Unimed
  • 01/02 Rio de Janeiro, Qualistage
  • 04/02 Porto Alegre, Pepsi on Stage

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasA opinião de Slash sobre o novo disco dos Rolling Stones
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades