Chris Cornell: “Black Sabbath me salvou de virar fã do Kiss”

Músico americano teve grande influência dos patronos do heavy metal em sua obra, especialmente com o Soundgarden

Não é preciso ouvir muito da obra do Soundgarden para perceber as claras influências do Black Sabbath. Ok, talvez Chris Cornell e companhia não sejam tão “filhos” de Iommi e companhia quanto o Alice in Chains, para citar os gigantes do grunge. Ainda assim, é bem fácil reconhecer de onde vieram as raízes para clássicos como “Outshined” e “Jesus Christ Pose”, para ficar apenas em duas.

Em 2013, o vocalista e guitarrista participou do “The First Time”, tradicional programa da rede de rádios da BBC – com transcrição do site Far Out Magazine. Nele, falou sobre a importância de Tony Iommi e companhia para sua educação musical. Sobrou espaço até para uma alfinetada em outra banda dos anos 1970.

“O Black Sabbath meio que me salvou de ser um fã do Kiss. Quando penso no Soundgarden, penso em como ficamos confortáveis ao abordar temas sombrios e melancólicos. Acho que isso deve ter raízes em ouvir o Black Sabbath.”

- Advertisement -

A impressão também foi compartilhada por um colega de geração. Ao escutar “Black Hole Sun”, Dave Grohl pensou, de acordo com o próprio:

“Lembro-me de ouvir e falar ‘P*ta m*rda, isso vai ser enorme’. Para mim, foi o encontro perfeito entre Beatles e Black Sabbath. Acho que essas bandas nunca haviam sido combinadas com tanto sucesso até então.”

Sobre Chris Cornell

Entre Soundgarden, Audioslave e carreira solo, Chris Cornell vendeu mais de 30 milhões de discos em todo o mundo. Nascido em Seattle, o músico tirou a própria vida aos 52 anos no dia 18 de maio de 2017, logo após um show na cidade de Detroit.

Leia também:  O grande problema dos primeiros anos do Kiss, segundo Paul Stanley

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesChris Cornell: “Black Sabbath me salvou de virar fã do Kiss”
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades