Foto: reprodução / Facebook

De Kiss a Mötley Crüe: os discos que fizeram Tobias Forge gostar de rock

Líder do Ghost é grande fã do hard rock dos anos 80, algo que pode ser notado como uma das influências no som de sua banda – especialmente em trabalhos recentes

Ouvir o Ghost pode servir como grande exercício para quem procura entender como a mistura de subgêneros se dá dentro do contexto do rock e do metal. Tobias Forge explicita influências que vão desde o AOR até o extremo. E tudo parece fazer total lógica quando escutado.

Não à toa, o líder e faz-tudo da banda possui um gosto bem diversificado, como revelou a Johnny Christ, baixista do Avenged Sevenfold, em entrevista ao podcast Drinks With Johnny (via Ultimate Guitar). Porém, ele reconhece que é justamente a “velharia” que o deixa se sentindo em casa na maior parte do tempo. Especialmente pelas lembranças que traz de seu saudoso irmão Sebastian.

“Sempre gostei de heavy metal. Lembro que o primeiro disco que meu irmão me deu foi ‘Love Gun’ do Kiss. Eu lembro também quando chegou em casa com ‘Stay Hungry’ do Twisted Sister, e me deu. Gostei ainda mais. Também teve o primeiro disco do W.A.S.P., que ele ganhou no sorteio de uma revista no ano que saiu.”

E os anos 1980 realmente parecem fazer a cabeça do atual Papa Emeritus IV.

“O Mötley Crüe também era grande na época, ‘Shout at the Devil’ é um dos meus discos favoritos. 1984 foi o meu grande ano introdutório. É a época que eu me lembro, na verdade, muito vividamente, até onde você consegue se lembrar das coisas quando tinha três anos de idade. Mas eu me lembrava do poder dessas bandas, como elas me faziam sentir, e isso sempre foi o meu lance. E sempre que Sebastian voltava para casa com uma nova edição da revista OK!, eu sempre guardava os pôsteres que tinham coisas de hard rock e heavy metal.”

Tobias Forge e Ghost

Hoje, Tobias Forge é uma estrela maior que a grande maioria dos seus ídolos daquela época. Com 70 mil cópias vendidas na semana de lançamento (62,5 mil no formato físico), “Impera”, 5º álbum do Ghost, chegou ao 2º lugar na Billboard 200, parada americana. Outros resultados em charts nacionais:

  • Alemanha: 1
  • Suécia: 1
  • Reino Unido: 2
  • Holanda: 2
  • Bélgica: 2
  • Noruega: 2
  • Austrália: 3
  • França: 5
  • Irlanda: 5
  • Itália: 20

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share