Foto: Ester Segarra

Lucifer lança a música “Crucifix (I Burn For You)”, mais uma do próximo disco

Canção foi liberada junto de videoclipe produzido em colaboração com Crille Forsberg, que trabalhou no último vídeo de David Bowie, para a música “Lazarus”

O Lucifer divulgou mais uma música que estará em “Lucifer IV”, seu próximo álbum. Intitulada “Crucifix (I Burn For You)”, a faixa chega a público junto de um videoclipe.

Em nota, a vocalista Johanna Sadonis comentou sobre o novo single e seu respectivo clipe, com direção de Amir Chamdin e direção de fotografia por Crille Forsberg.

“O clipe foi filmado em apenas um take, com uma câmera vintage da década de 1970, assim como o antecessor ‘Bring Me His Head’, pelo fotógrafo Crille Forsberg e com direção de Amir Chamdin.

Foi uma honra trabalhar com eles, especialmente considerando seus currículos. Eles trabalharam com todo mundo, de Hellacopters a Adele, de Ghost a Pharrell Williams. Para mim, foi notório que Crille tenha filmado o emocionante último vídeo de David Bowie, ‘Lazarus’. Agora, eles trabalharam com o Lucifer.”

Assista ao vídeo abaixo.

A música “Bring Me His Head”, disponibilizada anteriormente como single e também com vídeo próprio, também pode ser conferida a seguir.

Sobre o novo álbum

Com lançamento marcado para o próximo dia 29 de outubro, através da Century Media Records, “Lucifer IV” é, conforme o título indica, o quarto álbum de estúdio do Lucifer. Além de Johanna Sadonis no vocal, a banda traz Nicke Andersson (The Hellacopters, Imperial State Electric, etc, e marido de Johanna) na bateria, Linus Björklund e Martin Nordin nas guitarras e Harald Göthblad no baixo.

O sucessor de “Lucifer III” (2020) apresenta uma capa conceitual. Na imagem, Johanna surge crucificada em uma tentativa de expressar suas posições contrárias ao patriarcado e a opressão sofrida pelas mulheres no ocidente ao longo da história.

A foto é de Ester Segarra, com base em uma ideia da própria Johanna, como ela comenta:

“Quando criança, eu era fascinada por ‘Like a Prayer’, da Madonna. Uma mulher de negócios sexualmente livre e muito poderosa dançando na frente de cruzes em chamas. Mas isso era considerado autoindulgente e uma blasfêmia por muitos homens – e infelizmente também para algumas mulheres. Era a provocação definitiva de uma ‘prostituta’.

Para mim, figuras como ela e tantas outras mulheres que tentam se expressar livremente e a reação em seguida são simbolizadas pela bruxa que é colocada na fogueira e deve ser queimada até a morte. Como uma mulher neste mundo e nos negócios, tive minha própria cota de abusos emocionais e físicos. Isso não me deixou amargurada, mas me deu uma personalidade muito desafiadora.”

Na visão de Johanna, a capa de “Lucifer IV” representa, ainda, parte das letras apresentadas no disco.

“A capa desse álbum, assim como parte do conteúdo lírico dele, é meu ‘f*da-se’ pessoal ao patriarcado, aos homens e suas mulheres co-dependentes que menosprezaram, silenciaram, agrediram emocionalmente e espalhar mentiras sobre mim – aquelas psesoas que tentaram me impedir de fazer música. Eu tive que assinar um contrato para me manter em silêncio no passado? Sim, eu tive. Mas, aqui estou eu, continuando a fazer um álbum após o outro com meus grandes colegas no Lucifer. Tente me colocar na fogueira e eu vou rir da sua cara.

Uma das minhas fotógrafas favoritas, Ester Segarra, captou para a capa, com maestria, a cena que veio da minha ideia, que consistia em um Jesus de madeira em um crucifixo incendiado por baixo para simbolizar o fogo ardente da estaca. Se você vê esta capa como uma zombaria do Cristianismo, ótimo, como quiser. Mas é muito mais do que isso. E essa é apenas a capa. Mal posso esperar para deixar a música falar.”

Quanto ao som, o Lucifer já havia divulgado anteriormente o single de “Wilde Hearses”, junto de um lyric video. A faixa, que estará no disco, volta a emular a pegada dos anos 70 facilmente associada aos trabalhos iniciais do Black Sabbath, ainda que com uma aura mais soturna. Ouça a seguir:

O single está em minha playlist de lançamentos, atualizada sempre às sextas-feiras. Siga e dê o play:

Lucifer – “Lucifer IV”

  1. Archangel Of Death
  2. Wild Hearses
  3. Crucifix (I Burn For You)
  4. Bring Me His Head
  5. Mausoleum
  6. The Funeral Pyre
  7. Cold As A Tombstone
  8. Louise
  9. Nightmare
  10. Orion
  11. Phobos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
11
Share