Foto: Mo Summers

Andy Summers finaliza trilogia com o novo álbum “Harmonics of the Night”

Criação do disco começou com improvisação de violão para exposição de museu com fotos do músico

Conhecido por seu trabalho com o The Police, o guitarrista Andy Summers chega à marca de quinze álbuns solo com “Harmonics of the Night”. Disponibilizado pela Cargo Records, o trabalho finaliza a trilogia iniciada em “Metal Dog” (2016) e prosseguida em “Triboluminescence” (2017).

O conceito começou com uma improvisação de violão para uma exposição de museu com fotos do músico. O lançamento do disco, inclusive, acontece seis dias antes do início de uma nova exibição na Leica Gallery, em Londres.

Ouça “Harmonics of the Night”, a seguir, via Spotify.

Em material promocional divulgado à imprensa, Summers revelou que as 12 músicas do tracklist tiveram início a partir de um improviso de guitarra.

“Pude visitar o museu antes da inauguração da última exposição em Montpellier e decidi que, em vez da habitual música inadequada tocada pela galeria, devia fazer uma peça para acompanhar a fotografia na parede, que pudesse ser repetida e, assim, fornecer um contraponto de áudio contínuo ao visual.

Criei uma improvisação de guitarra de 20 minutos, ‘A Certain Strangeness’, que colocou uma certa abordagem na minha cabeça e me apontou na direção de mais 11 faixas. Foi o espírito norteador. Essas peças, que variam de abordagens minimalistas a registros de dança com influência africana, são o que considero os paralelos sonoros com a fotografia”.

As exposições não são o único trabalho recente de Andy fora da música. Em agosto, ele lançou o livro de ficção “Fretted and Moaning”, primeira publicação sua no formato.

O álbum está em minha playlist de lançamentos, atualizada semanalmente. Siga e dê o play:

Andy Summers – “Harmonics of the Night”

  1. A Certain Strangeness
  2. City Of Crocodiles
  3. Aeromancer
  4. Chronosthesia
  5. Harmonics Of The Night
  6. Mirror In The Dirt
  7. Prairie
  8. Fantoccini
  9. Aphelion
  10. Spell
  11. Inamorata
  12. Strange Return
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share