Quem está cantando por trás da personagem de Viola Davis em “A Voz Suprema do Blues”

Não é a atriz Viola Davis que canta como Ma Rainey no filme “A Voz Suprema do Blues”. Há uma talentosa cantora por trás da intérprete: Maxayn Lewis.

A atriz Viola Davis entregou uma interpretação épica da cantora Ma Rainey, conhecida como a “Mãe do Blues”, no filme “A Voz Suprema do Blues”, disponível na Netflix. Porém, embora tenha sido indicada ao Oscar de Melhor Atriz, Viola não é a responsável pelos vocais no longa.

Esse papel coube à cantora Maxayn Lewis, uma das belas vozes da soul music americana. A artista é conhecida, especialmente, por ter trabalhado como backing vocal da dupla Ike & Tina Turner, além de ter liderado a banda própria Maxayn.

- Advertisement -

Maxayn Lewis e Viola Davis

Em entrevista à Variety, Maxayn Lewis explicou como foi dublar Viola Davis ao mesmo tempo em que interpretava Ma Rainey. Ela teve que sincronizar seus vocais com os da atriz, cuja voz original acabou sendo mantida em apenas uma música “Those Dogs of Mine”.

A interpretação de Davis foi elogiada pela cantora, que observou a atuação em detalhes para poder cantar.

“Tive que dublar seus vocais e movimentos de sua boca. Já havia feito isso antes. Cada indivíduo tem uma cadência em sua fala, como eles falam e respiram, e a sr.ª Davis tem esse certo tipo de cadência quando ela faz um personagem. Nunca é a mesma, e isso é o que a torna grande.”

Ouça Maxayn Lewis cantar a música “Deep Moaning Blues”:

Leia também:  Sharon marcava shows de Ozzy no mesmo dia e cidade do Black Sabbath, diz Tony Martin

Sobre as gravações, Lewis disse que cantou em torno de cinco ou seis músicas ao vivo, levando menos de 3 horas para completar o trabalho. Foi bem rápido: os produtores achavam que a experiente cantora demoraria 3 dias.

O convite para o projeto veio diretamente de Branford Marsalis, compositor que trabalhou com Ma Rainey. O diretor do filme, George C. Wolfe, também estava presente.

“Branford me convidou para gravar as músicas na Louisiana, ele me deu 5 ou 6 músicas para aprender e fizemos todas elas. Eu já conhecia as músicas. Entrei e ouvi aquelas letras, tentei sentir qual a vibe em que ela estava e notar sobre o que ela estava cantando. […] Ele (George C. Wolfe) ajudou muito, porque ele estava me dando os detalhes e histórias para cada música, qual era o clima do filme em cada momento.”

Ouça Viola Davis em “Those Dogs of Mine”, a única música do filme que manteve os vocais da atriz:

Ma Rainey’s Black Bottom / A Voz Suprema do Blues

Lançado no exterior com o título “Ma Rainey’s Black Bottom”, o filme “A Voz Suprema do Blues”, disponível na Netflix, conta a história real de uma sessão em estúdio da cantora Ma Rainey (Viola Davis), a “mãe do blues”, que precisa lidar com os desejos de seu empresário em controlar seu trabalho. Enquanto isso, o trompetista Levee (Chadwick Boseman) quer conduzir sua própria trajetória na música, além de estar de olho na namorada de Ma.

Leia também:  O tecladista que influenciou Yngwie Malmsteen mais do que o guitarrista da banda

O filme dirigido por George C. Wolfe foi um grandes lançamentos de 2020. O reconhecimento veio não só por parte do público, como também dos especialistas em cinema, pois o longa foi indicado para cinco categorias do Oscar, em cerimônia que será realizada neste domingo (25).

Além de Viola Davis como Melhor Atriz, o filme concorre à estatueta de Melhor Ator com o saudoso Chadwick Boseman, ator do “Pantera Negra”, em seu último trabalho. Há, ainda, três indicações técnicas: Melhor design de figurino, Melhor design de produção e Melhor maquiagem e penteado.

Ouça a trilha sonora de “A Voz Suprema do Blues”:

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesQuem está cantando por trás da personagem de Viola Davis em "A...
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Interessado em música desde a infância, teve um blog sobre discos de hard rock/metal antes da graduação e é considerado o melhor baixista do prédio onde mora. Tem passagens por Ei Nerd e Estadão.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades