Destaque Notícias

Com Glenn Tipton, Judas Priest já está em estúdio trabalhando em novo álbum


O Judas Priest está em estúdio para gravar o próximo álbum – e Glenn Tipton estará envolvido no trabalho. O guitarrista se afastou das atividades do Priest em turnês no ano de 2018, após revelar que foi diagnosticado com Parkinson.

Os novos trabalhos em estúdio foram divulgados pelo outro guitarrista do Priest, Richie Faulkner, ao divulgar uma foto ao lado de Tipton e o vocalista Rob Halford, todos diante de uma mesa de som. “Dando à luz os novos bebês do metal. Sessão de composições do Judas Priest em 2020”, afirmou o músico.

Veja:

Giving birth to new metal babies. #judaspriest writing sessions 2020 with grand master Tipton and the Mg RHRF DOTF #forgingthesteel pic.twitter.com/7nMHQiuBN5

— Richie Faulkner (@RichieFaulkner) February 3, 2020

Não é novidade que o Judas Priest está concebendo um novo álbum. O início dos trabalhos para sucessor de ‘Firepower’ (2018) é anunciado pela banda há alguns meses, sempre confirmando que Glenn Tipton estará envolvido.

Resenha: ‘Firepower’ traz Judas Priest renovado, pesado e com qualidade

O próprio Richie Faulkner disse, em entrevista ao Ultimate Guitar, que o veterano estaria envolvido. “Glenn tem alguns desafios físicos com o Parkinson, mas no que diz respeito a ideias e criatividade, ele ainda é um gigante em termos de criar e em como enxerga a música, os riffs e as melodias. Ele é um músico único”, afirmou ele, na ocasião.

Faulkner comentou, ainda, que Tipton estaria mais à vontade em estúdio. “O ambiente de estúdio é mais relaxado em termos de tempo. Glenn teve que abandonar as turnês. Quando se toca para 10 mil pessoas, você só pode tocar uma vez e de forma correta. No estúdio, se houver desafios nesse sentido, há mais tempo para repetir em busca de um take melhor”, disse, ainda.

Rob Halford, por sua vez, declarou em entrevista anterior à rádio WAAF que o Judas Priest não só planeja lançar um novo álbum, como, também, realizar uma turnê para celebrar os 50 anos da banda. “vamos fazer a grande produção do 50° aniversário, que, acredito, começa na Finlândia em junho, eu acho. E é isso aí. Vamos sair pelo mundo pelo resto de 2020 e parte de 2021, celebrando os 50 anos do Judas Priest”, afirmou, durante a situação.

– Por que o Judas Priest não foi tão grande, segundo K.K. Downing


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *