Notícias

Denner’s Inferno divulga 1° álbum e marca retorno de Michael Denner



O Denner’s Inferno, projeto capitaneado pelo guitarrista Michael Denner (ex-Mercyful Fate e King Diamond), lançou um novo álbum nesta sexta-feira (15). O trabalho, intitulado “In Amber”, chega a público por meio da gravadora Mighty Music, com edição nacional da Hellion Records.

Além de Michael Denner, a formação do Denner’s Inferno conta com Chandler Mogel (Outloud) no vocal, Flemming Muus (Trickbag) no baixo e Bjarne T Holm (Mercyful Fate) na bateria.

O projeto é o primeiro de Michael Denner desde o fim do Denner / Shermann, banda que ele tinha com o guitarrista Hank Shermann, seu colega de Mercyful Fate. O grupo lançou apenas um álbum, “Masters of Evil”, em 2016.

Ouça “In Amber” a seguir, via Spotify ou YouTube:

Em sua passagem pelo Mercyful Fate, Michael Denner gravou álbuns como “Melissa” (1983) e “Don’t Break The Oath” (1984). Ele deixou a banda oficialmente em 1996, participando, também, da reunião em 2009. Também tocou com a banda solo de King Diamond, entre 1985 e 1987.

Curiosamente, Denner ficou fora da recente reunião do Mercyful Fate. A formação será a mesma que gravou o álbum “9” (1999), com os guitarristas Hank Shermann e Mike Wead e o baterista Bjarne T Holm, além, é claro, de King Diamond nos vocais. A exceção é o baixista Joey Vera (Armored Saint, Fates Warning) ocupa a vaga que seria de Timi Hansen, que tratava um câncer quando o retorno estava sendo esquematizado – ele faleceu pouco tempo depois.

Em entrevista ao The Metal Voice, transcrita pelo Blabbermouth, Michael Denner relatou sua surpresa por ficar de fora da reunião. “Eu não sabia nada disso, fiquei sabendo dois dias antes do anúncio oficial. Pareceria que seria a reunião da formação original, tocando músicas dos três primeiros álbuns. Fiquei surpreso, pois sou uma parte importante desses discos. Fiquei um pouco triste”, afirmou.

O músico destacou, por outro lado, que está feliz com o Denner’s Inferno e disse: “Se é isso que Hank (Sherman) e King (Diamond) querem fazer, não posso forçá-los a me trazer de volta, apenas desejo boa sorte. Quero seguir em frente. Fui uma grande parte da história do Mercyful Fate, mas se querem seguir, não posso obrigá-los a mudar de opinião. Estou em paz com isso”.

Veja, a seguir, a capa e a tracklist de “In Amber”:

1. Matriarch
2. Fountain Of Grace
3. Up And On
4. Sometimes
5. Taxman (Mr. Thief)
6. Vens Of The Night
7. Run For Cover
8. Pearls On A String
9. Loser
10. Castrum Doloris


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *