Notícias

Último show do Rush foi difícil e, hoje, Neil Peart nem toca mais bateria



Mesmo em seus últimos anos, o Rush sempre pareceu ter muita lenha para queimar. No entanto, a banda encerrou suas atividades após a turnê “R40”, que marcou o 40° aniversário de atividades do grupo. O motivo para o fim foi a condição de saúde do baterista Neil Peart, que sofre de tendinite crônica e não consegue mais tocar da forma que gostaria.

Em entrevista à rádio SiriusXM, o baixista e vocalista Geddy Lee falou sobre o último show da carreira do Rush. A apresentação foi realizada no The Forum de Inglewood, Califórnia, Estados Unidos, em 1° de agosto de 2015.

“O último show foi uma noite difícil, mas é sobre o que se passava na mente de Neil. Ele estava sofrendo durante turnê para tocar da melhor forma, devido aos problemas físicos e outras coisas que estavam acontecendo com ele”, afirmou Geddy Lee.

– Após fim do Rush, Geddy Lee não tem planos para lançar novas músicas

O frontman do Rush destacou, ainda, que o baterista é “um perfeccionista”. “Ele não queria sair para fazer algo abaixo do que as pessoas esperam dele. Foi isso que o conduziu por toda a sua carreira, foi assim que ele quis fazer ao sair e eu respeito isso totalmente”, disse.

Lee reforçou que Peart “está aposentado, não somente do Rush, mas da bateria”. “Ele não toca mais e está vivendo sua vida, o que está tudo bem. Alex (Lifeson, guitarrista) e eu estamos tranquilos com isso. Ainda somos grandes parceiros. Alex e eu fomos visitar Neil há poucas semanas e nos mantemos em contato. E, claro, Alex mora bem perto de mim, então, sempre saímos pra comer e ele adora beber tudo da minha vinícola caseira. Ainda somos parceiros e todos nos falamos, mas aquele período de nossa vida acabou”, afirmou.

Em entrevista recente à Rolling Stone, Geddy Lee disse que não há chance de do Rush retomar suas atividades e sair em turnê. “Não posso dizer muito além de que não há planos para uma nova turnê. Somos muito próximos e conversamos o tempo todo, mas não falamos de trabalho. Somos amigos, falamos da vida como amigos. Não posso falar muito além disso. Eu diria que não há chance de ver o Rush em turnê novamente enquanto Alex (Lifeson, guitarrista), Geddy e Neil. No entanto, você veria um de nós, ou dois de nós, ou três de nós? Isso é possível”, afirmou, na ocasião.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *