Curiosidades Notícias

Steven Adler jura amor eterno a Axl Rose graças a ato em 1988



O baterista Steven Adler falou, em entrevista ao canal do Loudwire no YouTube (transcrita pelo Alternative Nation), sobre a sua relação com seus dois ex-colegas de Guns N’ Roses, o vocalista Axl Rose e o guitarrista Slash. Durante o bate-papo, Adler chegou a fazer uma revelação curiosa sobre seu sentimento por Rose – e, curiosamente, o cantor é creditado como o principal responsável pela demissão do músico, que estava afundado em drogas e com problemas até para tocar seu instrumento.

Inicialmente, o baterista foi perguntado se mantém contato com os seus antigos colegas de banda. Adler começou falando sobre Slash. “Não, na verdade. Digo ‘oi’ para Slash desde que o conheço, quando tínhamos 12 ou 13 anos de idade, então ele sempre será o meu irmão”, disse.

Sobre seu sentimento com relação a Axl, Steven resgatou uma história diretamente de 1988, quando os músicos do Guns N’ Roses fizeram uma participação no filme “Na Lista do Assassino” (“The Dead Pool”), em 1988. Graças a um ocorrido na época das gravações do longa, Adler afirma que terá amor eterno pelo cantor.

Veja a participação da banda no filme:

“Sempre amei Axl. Para provar: quando fizemos ‘The Dead Pool’, estávamos os cinco na cena do cemitério. Depois, Slash, Izzy e Duff atiram um arpão por uma janela no barco. Axl e eu não estávamos ali porque eu conheci uma stripper e ela colocou uma m*rda de pó marrom na minha bebida. Quando percebi, acordei em um hospital e Axl estava segurando minha mão. Ele pensou que eu iria morrer. Então, ele tem meu amor eterno”, disse.

Veja, a seguir, a entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas).


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *