Dave Mustaine pede ideias de colegas para novo álbum do Megadeth

Mesmo com mudança recente na formação, sucessor de “The Sick, the Dying... and the Dead!” deve ser desenvolvido em breve

O Megadeth já começa a se preparar para compor um novo álbum de estúdio. Ao menos é o que indica o vocalista e guitarrista Dave Mustaine.

Em entrevista ao Rocking.gr, o líder do grupo contou ter pedido para seus colegas — o guitarrista Teemu Mäntysaari, o baixista James LoMenzo e o baterista Dirk Verbeuren — enviem ideias de músicas. O sucessor de “The Sick, the Dying… and the Dead!” (2022) começará a ser trabalhado mesmo com uma mudança recente na formação: a chegada de Mäntysaari para a vaga deixada pelo brasileiro Kiko Loureiro, no fim do ano passado.

- Advertisement -

Mustaine comentou:

“Eu estava ansioso para começar a fazer novas músicas já quando saí do estúdio pela última vez em 2022. Tínhamos músicas que não estavam finalizadas, mas precisávamos nos preparar para o lançamento do disco e voltar às turnês. Acabei de conversar com o pessoal sobre como nos preparar para começar a enviar ideias para o que faremos a seguir.”

Ainda durante o bate-papo, Dave revelou não ter planos para celebrar os 40 anos de Megadeth ou de seu álbum de estreia, “Killing is My Busines… and Business is Good!” (1985), com turnês especiais ou iniciativas diferentes. Porém, trata-se de um marco que faz o músico ao menos considerar uma comemoração.

“Não pensei nisso. Estou sempre procurando um motivo para me divertir, então é uma ótima ideia fazer uma festa para isso. […] Eu adoraria fazer um álbum de aniversário e uma turnê para promover esses discos todos. Mas agora estamos concluindo uma turnê mundial e nos preparando para voltar para casa, quando começaremos a trabalhar em novas músicas.”

Em outra entrevista, ao Poisoned Rock (via Blabbermouth), Teemu Mäntysaari confirmou que o Megadeth já começa a discutir a criação de novas músicas. Ele disse:

“No momento, estamos trabalhando para incluir algumas músicas novas ao setlist, como músicas antigas que a banda não toca há muito tempo, ou mesmo algumas que eles nunca tocavam antes. Também estou fazendo algumas ligações diárias com Dave Mustaine para passar essas músicas. Quando estivermos juntos na turnê (pela Europa, em junho), acho que vamos começar a conversar sobre algumas ideias de riffs e juntar algumas ideias. Vamos ver o que acontece.”

Leia também:  Como Gilby Clarke acabou parando em clipe de Michael Jackson

Dave Mustaine e a atual formação do Megadeth

Em entrevista exclusiva ao site, concedida antes da passagem por território nacional, Dave Mustaine teceu elogios a seus atuais colegas de Megadeth. Na ocasião, mencionou, primeiramente, o talento de Teemu, descrevendo:

“Tenho dito para alguns de nossos amigos mais próximos que sinto o mesmo que Ozzy Osbourne deve ter sentido quando encontrou Randy Rhoads. Teemu é muito bom. E sempre tive ótimos guitarristas, e até gostaria de levar o crédito por esse, mas não posso, Kiko o encontrou. Obrigado, Kiko!”

Já a respeito de LoMenzo, a afirmação foi um pouco mais extensa — e envolveu citações, diretas ou indiretas, a ex-integrantes:

“Amo James. Tivemos outros dois baixistas que tocaram no Megadeth. Houve um terceiro (nota do editor: provavelmente Matt Kisselstein), mas nunca fizemos nenhum show com ele. Esse é o baixista que estava lá no começo. Então, sempre que alguém disser que houve pessoas cofundadoras (nota do editor: provavelmente David Ellefson)… havia outro baixista no começo, então não há cofundador. Acho que há muita história com mudanças. Não acho que James gostaria que você o visse naquele período. A vida dele está muito melhor agora. A banda está muito melhor. Sabe, sem querer ofender os Drovers, Shawn (baterista entre 2004 e 2014) ou Glen (guitarrista entre 2004 e 2008), porque ambos são ótimos músicos, mas acho que James está tocando melhor agora, ele canta muito bem, e sei que ele toca muito, muito bem com Dirk Verbeuren, e isso é o que um baixista deve fazer. Ele deve tocar com os bateristas.”

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasDave Mustaine pede ideias de colegas para novo álbum do Megadeth
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades