Mingau desperta e abre os olhos após mais de duas semanas internado

Baixista do Ultraje a Rigor teve a sedação retirada nos últimos dias; quadro é considerado estável pela equipe médica

O Hospital São Luiz emitiu novo boletim médico relacionado ao estado de saúde de Mingau, baixista do Ultraje a Rigor. O músico de 56 anos segue em ventilação mecânica desde o atentado sofrido no início do mês, em Paraty, Rio de Janeiro.

Porém, a situação já apresenta evolução, com o quadro passando de “grave”, como era classificado até agora, para “grave, porém estável”. A principal novidade é que o artista despertou e abriu os olhos pela primeira vez.

- Advertisement -

Diz o comunicado:

“O Hospital São Luiz do Itaim, da Rede D’Or, informa que o paciente Rinaldo Amaral (Mingau) segue internado em Unidade de Terapia Intensiva, tendo apresentado nesta quarta-feira (20/9), um despertar com abertura dos olhos. O paciente está sem sedação e em processo de desmame da ventilação mecânica. O quadro é considerado estável.”

Semana passada, Mingau foi submetido a uma traqueostomia, quando é realizada uma abertura frontal da traqueia com inserção de cânula. Anteriormente, já havia sofrido cirurgia intracraniana de emergência, além de um procedimento de craniectomia descompressiva, com a finalidade de auxiliar no controle da pressão intracraniana.

Leia também:  Sem Brasil e com Argentina, Judas Priest anuncia festas globais de “Invincible Shield”

Rinaldo Amaral – seu nome verdadeiro – sofreu um atentado na noite do dia 2 de setembro, quando estava com um amigo. O carro do músico foi alvejado por tiros, perdendo o controle e batendo em uma residência.

Em entrevista coletiva, foi revelado que o tiro que acertou o artista atingiu o lado esquerdo da cabeça, atravessou o cérebro e saiu do corpo. A área é responsável por coordenações motoras, além de fala e visão. A equipe médica não quis fazer prognósticos a longo prazo em relação ao efeito do ferimento.

Sobre Mingau

Após passagens por Ratos de Porão, Inocentes e Olho Seco, Mingau entrou no Ultraje a Rigor em 1999, na vaga deixada por Serginho. Com as saídas em 2002 de Flávio e Heraldo, tornou-se o membro mais antigo ao lado de Roger a permanecer na formação, hoje completa por Marcos Kleine (guitarra, desde 2009) e Bacalhau (bateria, desde 2002).

Leia também:  12 shows internacionais de rock e metal no Brasil em março de 2024

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasMingau desperta e abre os olhos após mais de duas semanas internado
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades