Justiça arquiva processo de fã por ausência de Ana de Armas em “Yesterday”

Juiz americano classificou argumentos dos envolvidos como duvidosos; atriz, apesar de aparecer no trailer do filme, acabou cortada da trama

Apesar de ter aparecido no trailer de “Yesterday” (2019), Ana de Armas teve sua personagem cortada da versão final do filme. Por isso, dois fãs da atriz moveram uma ação contra a Universal Studios, responsável pelo longa-metragem, por propaganda enganosa, pedindo uma indenização de US$ 5 milhões (aproximadamente R$ 24 milhões na cotação tual) à empresa. 

O processo estava correndo desde o ano passado e, recentemente, a Justiça optou por arquivá-lo. De acordo com o Hollywood Reporter, o juiz americano Stephen Wilson tomou a decisão por duvidar da veracidade contida nos argumentos dos admiradores da artista. 

- Advertisement -

Peter Michael Rosza e Conor Woulfe alegaram que, ao assistirem à prévia de “Yesterday”, presumiram a presença da artista na obra. Sendo assim, alugaram o filme no streaming Amazon Prime Video e ficaram surpresos ao constatar a ausência da atriz. Dizia a denúncia:

“Incapaz de confiar na fama dos atores que interpretam Jack Malik ou Ellie para vender ingressos e fazer as pessoas assistirem ao filme, a Universal consequentemente usou a fama e o brilho de Ana de Armas para promover o longa-metragem, incluindo suas cenas nos trailers de ‘Yesterday’.”

Não satisfeito, Woulfe decidiu assistir à produção novamente, desta vez no Google Play, com a esperança de que aquele poderia ser um “corte original do diretor”. Tal atitude foi vista de maneira duvidosa pelo juiz. 

Leia também:  Ator de “Top Gun” original processa Paramount por uso de imagem em “Maverick”

Nas palavras de Wilson, não havia motivos para acreditar que “a versão de ‘Yesterday’ acessada no Google Play seria uma versão diferente do filme”. Stephen também concluiu que os meninos não assistiram ao longa-metragem exclusivamente porque queriam acompanhar Ana de Armas, o que invalida toda a queixa.  

Ana de Armas e “Yesterday”

Em “Yesterday”, Ana de Armas interpretaria Roxane, um segundo interesse amoroso do personagem protagonista Jack Malik (Himesh Patel). Sua participação no filme, ambientado em um mundo onde os Beatles nunca existiram, foi confirmada em abril de 2018 pelo Deadline.

No fim das contas, todas as cenas com a atriz foram excluídas do resultado final. Segundo o roteirista Richard Curtis ao site Cinema Blend, o corte aconteceu devido ao romance principal da trama. 

“Foi um corte muito traumático, porque ela foi brilhante, muito radiante. E esse acabou sendo o problema. Acho que o público gosta da história do casal Ellie e Jack, funciona bem. Eram algumas das nossas cenas favoritas do filme, mas tivemos que cortá-las para um bem maior.”

Leia também:  Filme live-action de “Naruto” é desenvolvido por diretor de “Shang-Chi”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasJustiça arquiva processo de fã por ausência de Ana de Armas em...
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades