Charlie Sheen e Chuck Lorre se reúnem em nova série “How to Be a Bookie”

Ator e criador de "Two and a Half Man" tiveram desentendimento que causou a demissão de Sheen do show

Charlie Sheen e Chuck Lorre, que se tornaram desafetos no decorrer de “Two and a Half Man”, voltarão a trabalhar juntos, agora em “How to Be a Bookie”. A nova série é exclusiva do Max, plataforma que substituirá o HBO Max.

De acordo com a Variety, Sheen terá um papel recorrente no show, que contará com oito episódios e o ator Sebastian Maniscalco no papel principal. “How to Be a Bookie” foi criada justamente por Chuck Lorre, junto de Nick Bakay, e ele também atuará como produtor executivo.

- Advertisement -

Na nova obra, Maniscalco viverá o protagonista Danny, um veterano agenciador de apostas que terá de se virar para sobreviver após a legalização do negócio. Como consequência, precisará lidar com clientes instáveis, sua família, colegas e seu próprio estilo de vida.

A série ainda não tem previsão de estreia no Max.

A treta de Charlie Sheen e Chuck Lorre

Caso não se lembre, a treta entre Charlie Sheen e Chuck Lorre, criador de “Two and a Half Man”, começou em 2011. Na época, a oitava temporada do seriado teve sua produção paralisada para que o ator pudesse tratar seu vício em drogas e álcool.

Leia também:  Há 51 anos, David Bowie lançava “Aladdin Sane”; veja outros fatos da música em 13 de abril

No entanto, em entrevista a um programa de rádio durante a pausa, Sheen atacou Lorre e o chamou de “palhaço” e “charlatão”, além de ter feito outras declarações bizarras e sem sentido.

Um mês mais tarde, a Warner Bros, produtora do show, anunciou a demissão imediata do artista, por conta de seu comportamento. A oitava temporada de “Two and a Half Man” foi encerrada e para a nona, Chuck Lorre não quis nem saber e matou o personagem do ator, Charlie Harper. No decorrer da série, Ashton Kutcher e Kathy Bates substituíram o colega.

No final das contas, o episódio final “Two and Half Man” acabo por “reviver” Charlie – que foi interpretado por um dublê. Porém, o personagem morreu segundos após um piano cair em cima dele.

Lorre revelou (via TV Insider) que tentou convencer Charlie Sheen a aparecer no episódio final para alertar o público sobre o perigo do uso de drogas antes de ser esmagado pelo piano, mas o ator rejeitou a ideia.

“Pensamos que seria engraçado. Ele não. Na verdade, ele queria que nós escrevêssemos uma cena acolhedora que marcaria seu retorno ao horário nobre da TV em uma nova sitcom chamada ‘The Harpers’, estrelada por ele e Jon Cryer. Também achamos engraçado.”

Arrependimento de Charlie Sheen

Dez anos após a desavença, Sheen revelou para a Yahoo Entertainment (via TV Insider) seu arrependimento e afirmou que, na época, estava realmente sofrendo com os efeitos do uso de drogas.

“Se pudesse voltar no tempo naquele momento, teria embarcado no avião (em menção ao fato de que um executivo da Warner ofereceu ao ator um voo para ir a uma clínica de reabilitação). Aquele momento foi uma curva que levou a, vocês sabem, uma sequência infeliz de eventos públicos e insanos.”

Leia também:  Def Leppard não faz playback, garante Joe Elliott em resposta a Chuck Billy

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasCharlie Sheen e Chuck Lorre se reúnem em nova série “How to...
Augusto Ikeda
Augusto Ikedahttp://www.igormiranda.com.br
Formado em jornalismo pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atua no mercado desde 2013 e já realizou trabalhos como assessor de imprensa, redator, repórter web e analista de marketing. É fã de esportes, tecnologia, música e cultura pop, mas sempre aberto a adquirir qualquer tipo de conhecimento.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades